Trem do Corcovado comemora 138 anos com missa celebrada pelo Padre Omar

O Trem do Corcovado comemora neste domingo 138 anos de operação. A festa, organizada em parceria com a Sociedade Amigos da Rua da Carioca, começou às 10h, com apresentação da Banda da Guarda Municipal. Em seguida, o reitor do Santuário do Cristo Redentor, Padre Omar Raposo, celebrou uma missa em Ação de Graças. O Cristo comemora 91 anos nesta quarta-feira. Após a missa, houve distribuição de bolo para visitantes e turistas.

O engenheiro civil português Ricardo Capelo, que mora em Macaé, escolheu levar o filho Pedro, de 6 anos, e a filha Sofia, de 3, para conhecer o Cristo de trenzinho exatamente hoje. E disse que adorou a coincidência:

– Achei a surpresa muita boa. Fico feliz de fazermos parte de alguma forma da história do trenzinho, de lembrar de como tudo começou e celebrar mais um ano desta grande obra.

O engenheiro civil português Rafael Capelo e o filho Pedro ao lado do bolo
O engenheiro civil português Rafael Capelo e o filho Pedro ao lado do bolo Foto: Fabiano Rocha / Fabiano Rocha

O Trem do Corcovado opera na Estrada de Ferro, a primeira ferrovia eletrificada do Brasil. O percurso passa pelo Parque Nacional da Tijuca até o alto do Corcovado. O trenzinho foi inaugurado em 1884 pelo Imperador Dom Pedro II.

– Todas as peças do Cristo Redentor que fazem parte da estrutura do monumento subiram pelo Trem do Corcovado, a história do Cristo se mistura com a do trenzinho, que é conhecido mundialmente. Por aqui, já passaram personalidades como o Papa João Paulo II, Santos Dumont e Lady Di – enumerou Marília Neves, presidente do Trem do Corcovado.

Passageiros embarcam no trenzinho
Passageiros embarcam no trenzinho Foto: Fabiano Rocha / Fabiano Rocha

O trenzinho recebe, em média, 2.500 passageiros por dia. O secretario estadual de Turismo, Savio Neves, destacou que o local é um termômetro da retomada do turismo na cidade após a pandemia:

– O Trem do Corcovado é uma das âncoras do turismo do Rio. Ver o trenzinho cheio significa que toda a cadeia produtiva do turismo na cidade esta aquecida.



Fonte: Portal G1