Prepare o bolso! GNV sofre novo aumento a partir de 1º de maio

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp



A Naturgy anunciou que a partir do próximo domingo (1º) as tarifas de gás natural sofrerão um novo reajuste. Para clientes da Região Metropolitana do Rio (CEG), o aumento será em média de 6,80% para o segmento residencial (7m³/mês), 7,05% para o comercial (400 m³/mês), 19,58% para postos de GNV e de 18,52% para as indústrias (3Mm³/mês).

Para moradores do interior do estado do Rio (CEG Rio), o reajuste será de 8,78% para residências (7m³/mês), 10,16% para o comércio (400 m³/mês), 19,76% para postos de GNV e 19,25% para indústrias (3Mm³/mês).

De acordo com a empresa, o reajuste se deu por conta do aumento no custo de aquisição do gás natural fornecido pela Petrobras. Ainda segundo a companhia, “são custos não gerenciáveis pela Naturgy e, portanto, o aumento do preço não traz nenhum ganho para a distribuidora”.

Segundo a Naturgy, este é o reajuste trimestral da parcela da molécula de gás previsto nos contratos firmados entre Ceg/Ceg Rio e Petrobras, com vigência até 31 de dezembro de 2021, que ainda estão em vigor por conta de liminares concedidas pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, em dezembro do ano passado, à Naturgy, Alerj e ao Governo do Rio de Janeiro.



Fonte: O São Gonçalo