Justiça decreta prisão do ex-goleiro Bruno por dívida de pensão alimentícia

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

A Justiça decretou, nesta sexta-feira (27), a prisão do ex goleiro Bruno por conta do não pagamento de pensão alimentícia ao filho Bruninho, fruto do relacionamento com Elisa Samudio, que foi morta em 2010.

A dívida atualmente está na casa dos R$ 70 mil, referentes a dois salários mínimos mensais não pagos desde 2020.

Além deste processo, o ex goleiro também responde a um outro sobre uma divida de R$ 3 milhões de pensão desde o nascimento do filho.

Atualmente o ex goleiro cumpre prisão em regime aberto pela morte de Elisa Samudio, mãe de Bruninho, e pode ser detido a qualquer momento.

Fonte: O São Gonçalo