John Kennedy diz que não sabia que os amigos não tinham habilitação

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp



O jogador John Kennedy, do Fluminense, foi à 71ª DP (Itaboraí) no último domingo prestar depoimento após ser chamado no local depois de ter emprestado o carro para dois amigos sem habilitação e eles terem sido abordados por policiais da Operação Itaboraí Presente. O atleta disse que não tinha se preocupado em saber ser o amigo era habilitado ou não antes de emprestar o carro, que foi encontrado com 10 gramas de maconha.

Segundo a Polícia Militar, os três passaram a noite no ‘Baile da Reta’, em Itaboraí. Kennedy emprestou o carro para o amigo levar duas meninas para casa. O jogador foi autuado por  permitir, confiar ou entregar a direção de veículo a pessoa não habilitada, com habilitação cassada ou com o direito de dirigir suspenso, como previsto no Código de Trânsito Brasileiro. Ele pode pegar de seis meses a um ano de prisão, ou multa. Kennedy não estava no carro no momento da abordagem.

Os jovens Brenno Faria Alon e Wallace Luiz Veiga de Aquino responderão por porte  ilegal de drogas para consumo próprio.



Fonte: O São Gonçalo