Companhia de Ballet de Niterói apresenta ‘Presenças na ausência’

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp



A Companhia de Ballet da Cidade de Niterói vai participar do ciclo “Modernismo(s): A Semana de 22 e o Depois”, no dia 26 de março, sábado, às 19h, no Theatro Municipal de Niterói; e, no dia 27 de março, às 16h, no MAC Niterói.

“Modernismo(s): A Semana de 22 e o Depois” tem início, no dia 25 de março, em diversos equipamentos da cidade, com a participação de projetos e selos, vinculados à Secretaria Municipal das Culturas (SMC) e à Fundação de Arte de Niterói (FAN), como Museu de Arte Contemporânea, Museu Janete Costa de Arte Popular, Theatro Municipal de Niterói, Sala Carlos Couto, Teatro Popular Oscar Niemeyer, Solar do Jambeiro, Centro Cultural Paschoal Carlos Magno, Companhia de Ballet da Cidade de Niterói e Niterói Livros.

Com curadoria de Elisa Ventura e Nélida Capela e construída em diálogo com os perfis e vocações das unidades e corpos, o evento dialoga com o público e com as gerações futuras sobre os impactos e desdobramentos da Semana de 22.

Dentro desta dinâmica, a Cia de Ballet apresenta ‘Presenças na ausência’, da coreógrafa Esther Weitzman, que trata de um olhar reflexivo e coreográfico sobre a Semana de Arte Moderna de 1922 e que aborda o movimento atravessado pelos acontecimentos da atual história brasileira e do passado recente das pessoas, expondo no corpo as marcas e as memórias de um Brasil cheio de matizes. E uma novidade: foram convidados para integrar o trabalho dois jovens músicos: André Aroeira (saxofonista) e André Bitto (sanfoneiro), grandes conhecidos das ruas da cidade de Niterói.

 

Serviço:

‘Presenças na ausência’, da coreógrafa Esther Weitzman para Companhia de Ballet da Cidade de Niterói

Theatro Municipal de Niterói (Rua XV de novembro, 35)

Data: 26 de março, sábado

Horário: 19h

Entrada Gratuita. Sujeito à lotação do teatro.

 

Museu de Arte Contemporânea de Niterói

Data: 27 de março, domingo

Horário: 16h

Duração: 40min

Livre



Fonte: O São Gonçalo