Como se tornar programador e ser disputado por empresas tech?

0
12


Há um grande grande vazio no mercado quando o assunto é mão-de-obra qualificada para trabalhar com tecnologia.

Segundo estudo Profissões Emergentes na Era Digital, o Brasil deverá empregar 2,06 milhões de pessoas em 10 anos na área, principalmente nas áreas de programação e desenvolvimento de software.

Isso ocorre porque não há profissionais com habilidades digitais, como programação em Python, Javascript, Lógica de Programação, entre outras

Por conta desse grande déficit, a área de programação é promissora para aqueles que querem construir uma carreira com salário acima dos quatro dígitos e muitos benefícios.

Por que se tornar um programador

O apelo de empresas dispostas a tudo para contratar um programador – ou “desenvolvedor”, como se tornou frequente chamar o profissional que programa – virou rotina no mercado.

Afinal, ter colaboradores capazes de criar códigos e construir produtos é algo fundamental para qualquer empresa, principalmente organizações que oferecem serviços e produtos digitais.

Na busca para preencher vagas, headhunters e profissionais de RH costumam abordar os desenvolvedores com ofertas e benefícios polpudos em redes sociais como o Linkedin.

O profissional, aliás, nem precisa ser um nome conhecido ou ter tanta experiência. Dependendo da dedicação e do estudo, muitos desenvolvedores conseguem entrar em grandes empresas ou startups famosas com menos de 2 anos de experiência.

No Brasil, segundo os últimos levantamentos, há 46 mil pessoas com perfis aptos a trabalhar na área de TI. Entretanto, a demanda para o mercado atualmente é de 70 mil profissionais. Com o período de pandemia, esse número tende a aumentar devido ànecessidade em se digitalizar processos.

Vale a pena mudar de carreira para a programação?

É comum encontrar pessoas que não se sentem felizes e confortáveis em seu ambiente de trabalho, muitas delas gostariam de poder tentar algo novo. Uma das vantagens de mudar de carreira é tomar as rédeas de sua própria história profissional e construir um caminho diferente.

A mudança de carreira é um processo complexo, que envolve estruturação de todas as outras áreas da vida, como emocional e pessoal. Portanto, a resposta para a pergunta se vale ou não a pena mudar para a carreira de programação depende de como você enxerga seu futuro profissional.

O que deve-se manter em mente é que a área de Tecnologia conta com uma diversidade de cargos e funções a serem cumpridas, e que existe uma boa chance de, caso você decida investir em uma carreira na área de programação, haver espaço para crescimento e desenvolvimento profissional.

Como aprender a programar e entrar no mercado de trabalho

Diversos caminhos levam a uma carreira como programador ou programadora. Ou seja, não há uma fórmula única a qual você necessariamente deve seguir para conseguir iniciar uma carreira tech.

Há desde cursos rápidos sobre o básico de uma linguagem até formações mais longas, que prometem entregar uma experiência prática que credencia alunos a buscar uma vaga no mercado de trabalho, sem qualquer trabalho prévio na área.

Um dos caminhos de maior destaque atualmente é a formação da Trybe. Fundada em 2019, a empresa foca na formação de profissionais da área de tecnologia. Atualmente, já são mais de 2000 alunos, com uma taxa de empregabilidade de 92% nas seis turmas formadas.

Além do número expressivo de alunos que saem contratados como desenvolvedor de software, outro ponto que chama a atenção é o modelo de negócio da startup. Para fazer o curso, o aluno só precisa começar a pagar se conseguir um trabalho.

Aliás, a remuneração precisa estar acima dos R$ 3.000 para que a Trybe receba algum valor mensal. Se estiver abaixo, não é necessário pagar.

Na segunda quinzena de julho, a Trybe fechou uma parceria com a XP Investimentos para formar 300 alunos. Ávida por contratar desenvolvedores, a XP vai financiar 50% do curso de cerca de 300 pessoas, que poderão ser contratadas para trabalhar na empresa.

As inscrições para o processo seletivo se encerram no dia 22 de agosto.










Fonte: Mix Vale