Alerj vistoria Estações de Tratamento em Saquarema

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp



A Comissão de Defesa do Meio Ambiente da Alerj (CDMA) esteve na Região dos Lagos, nesta semana, e realizou uma série de vistorias nas Estações de Tratamento (ETEs) de esgoto de Bacaxá, Saquarema, Itauna e Jacarepiá, todas operadas pela concessionária Águas de Juturnaíba. A equipe também verificou as intervenções realizadas no interior da Barra Franca.

Os técnicos da Comissão verificaram problemas na ETE Bacaxá, que ainda opera em sistema secundário, constatando uma condição precária na destinação final da água de reuso, indicando poluição hídrica do Rio Bacaxá, que deságua na Lagoa de Fora.

No Canal Barra Franca, a Comissão observou que as obras emergenciais avançam conforme a previsão anunciada pelo Inea, garantindo seu desassoreamento e a recomposição do molhe.

A Comissão também recolheu amostras da água de reuso de todas as ETEs visitadas, com o objetivo de avaliar a qualidade dos serviços prestados pela concessionária.

Presidente da CDMA, o deputado estadual Gustavo Schmidt acompanhou a vistoria, que contou com a presença de representantes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Águas de Juturnaíba, Comitê da Bacia Hidrográfica Lagos São João, Movimento SOS Barra Franca e Conselho Municipal de Meio Ambiente e Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Saquarema.

“A Comissão de Defesa do Meio Ambiente segue firme em seu propósito pela melhoria da qualidade de vida da população. No caso de Saquarema, estamos cobrando a ampliação do sistema de coleta e tratamento de esgoto no município, o aprimoramento tecnológico no serviço da ETE Bacaxá, a conclusão das obras no Canal da Barra Franca e a revitalização do sistema lagunar da região”, informou o deputado Gustavo Schmidt.

As vistorias, realizadas na quinta-feira (24/02), são resultado das ações definidas durante uma Audiência Pública realizada na Alerj pela CDMA no dia 16 de fevereiro, que debateu os problemas do Sistema Lagunar de Saquarema.

Além da fiscalização em Saquarema, a CDMA tem realizado uma série de vistorias no Sistema Lagunar de Niterói e de Jacarepaguá, verificando indícios de irregularidades e cobrando providências das autoridades responsáveis.



Fonte: O São Gonçalo