Ressaca destrói parte de estrada que liga a praia de Farol de São Thomé a São João da Barra, no RJ | Norte Fluminense

0
184


Uma ressaca no mar do Farol de São Thomé, em Campos, no Norte Fluminense, provocou a erosão da estrada vicinal que liga a praia campista ao município de São João da Barra. De acordo com a Prefeitura de Campos, no trecho próximo à ponte Maria Rosa, na localidade do Xexé, a estrada está reduzida a menos de meia pista.

Como o mar segue agitado, a expectativa é de que a situação se agrave ainda mais.

A orientação é para que os motoristas e motociclistas não utilizem a estrada da orla da praia nos próximos dias, porque há grande risco de acidentes, segundo a Defesa Civil.

A alternativa provisória viável é acessar a ponte Maria Rosa pela localidade de Baixa Grande. Com isso, o trecho entre Farol de São Thomé e o Açu ficará aproximadamente 15 quilômetros mais distante.

Estrada foi vistoriada por equipes da Prefeitura de Campos, RJ, nesta quinta-feira (3) — Foto: Divulgação/Prefeitura de Campos

A estrada foi vistoriada nesta manhã pelo secretário de Defesa Civil, coronel Alcemir Pascoutto. Diante da gravidade, ele acionou imediatamente a Guarda Civil Municipal; a secretaria de Obras, Infraestrutura e Habitação; o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte e também acionará o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) para que todas as medidas necessárias sejam adotadas o quanto antes, para viabilizar o conserto do trecho quando a condição permitir e ainda buscar solução para conter o avanço do mar.

“Este é um fenômeno que tem sido recorrente no Farol. Nos últimos anos também tivemos registros do avanço do mar até a estrada em períodos de ressaca. Desta vez, o mar está de ressaca há uma semana e a situação foi mais grave. Uma pista foi completamente tomada e a outra está bastante danificada, com menos da metade de sua largura”, explicou o secretário.

“É fundamental que motoristas e motociclistas não passem por este trecho até que a situação tenha sido solucionada. O risco de acidente no local é real, devido à gravidade da situação”, acrescentou ele.

A estrada é bastante utilizada por trabalhadores do Porto do Açu que moram no Farol de São Thomé.

De acordo a Prefeitura, a ressaca também atingiu a estrada no trecho na localidade de Gaivota. No último sábado (29), as secretarias de Defesa Civil e de Obras, Infraestrutua e Habitação fizeram a limpeza da estrada que liga Farol de São Thomé a Barra do Furado. Na ocasião, a areia invadiu o asfalto, dificultando a passagem de veículos e oferecendo risco aos motoristas e motociclistas.



Fonte: G1