Produtores do Noroeste Fluminense se destacam em concurso de cafés especiais do estado do RJ | Norte Fluminense

0
23


Produtores de café da região Noroeste Fluminense estão se destacando no IV Concurso de Cafés Especiais do Estado do Rio de Janeiro. Dos nove cafés finalistas, oito são da região. Cinco deles são produzidos na cidade de Varre-Sai.

De acordo com a Emater-Rio, aproximadamente 80% do café produzido no Estado é da região Noroeste. O maior produtor de café do estado é, justamente, o município de Varre-Sai, que produz 45% de todo o café do Estado.

Os produtores de Varre-Sai finalistas no concurso na categoria via úmida são: Fidélis José de Oliveira Rodolphi, do Sítio Vai e Volta; Marcos Pelegrini Meneses, da Fazenda Arataca e Márcio Vargas, da Fazenda Ribeira. E na categoria natural são: Fidélis José de Oliveira Rodolphi e Alyne Chryslla Rodolphi.

O produtor Fidélis José de Oliveira Rodolphi e a esposa Alyne Chryslla possuem três lotes de café na final do concurso. O produtor falou da valorização dos cafeicultores que o concurso promove.

“O concurso dá visibilidade ao trabalho de excelência que o produtor desempenha na propriedade, tendo como produto final um café de altíssima qualidade, mostrando que o estado do Rio também produz ótimos cafés, assim como outras regiões do Brasil. E para nós, como produtores de café, já é um prêmio ter três lotes classificados no concurso, independente do resultado final”, afirmou Fidélis.

Produtora Alyne Chryslla, de Varre-Sai, está entre os finalistas do concurso de cafés especiais do estado do Rio de Janeiro — Foto: Divulgação/Prefeitura de Varre-Sai

O concurso é realizado pela Associação dos Cafeicultores do Estado do Rio de Janeiro (ASCARJ), com patrocínio da Emater-Rio e Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento e apoio da Emater-Rio, Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais, Coopercanol, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Sebrae e Emater-Rio.

O objetivo é incentivar a produção de cafés especiais no Estado do Rio. Os cafés especiais são grãos selecionados, de qualidade superior e que alcançam melhores preços no mercado.

A final do concurso acontecerá no dia 30 de janeiro, com a divulgação dos resultados e leilão virtual dos cafés finalistas.

Márcio Vargas é um dos finalistas de Varre-Sai no concurso de cafés especiais do estado do Rio de Janeiro — Foto: Divulgação/Prefeitura de Varre-Sai

O extensionista rural da Emater Gustavo Polido, destacou que mesmo com as dificuldades enfrentadas no ano devido à pandemia, o concurso teve um número expressivo de produtores participantes e que houve um aumento até mesmo no número de municípios participantes.

“O concurso dá destaque para a produção de cafés especiais do Estado do Rio, que antes não era visto como produtor de cafés especiais. Com a realização dos concursos e a mobilização dos produtores, temos visto um aumento na produção de cafés especiais”, ressaltou o extensionista da Emater-Rio.

O técnico do Ministério da Agricultura e presidente da Coopercanol, José Ferreira Pinto, lembrou que com a melhoria da qualidade do café, o produtor atinge maior geração de renda.

“O concurso tem uma importância muito grande no incentivo ao produtor para melhoria da qualidade dos cafés de uma região. É essencial para dar visibilidade e divulgar o nosso café dentro e fora do Estado do Rio de Janeiro. Ao melhorar a qualidade, automaticamente há uma substancial valorização do produto, gerando mais renda e garantindo a subsistência do nosso produtor de café”, afirmou José Ferreira.

O secretário municipal de Agricultura de Varre-Sai, José Maria de Freitas Pelegrini, parabenizou os cafeicultores participantes do concurso.

“Parabenizo os cafeicultores participantes, que estão levando o nome de Varre-Sai para todo o Estado e país, não somente como o maior produtor de café do Estado do Rio, mas também como produtor de cafés especiais. A Secretaria de Agricultura de Varre-Sai se coloca à disposição dos cafeicultores do município e para esse ano, já estamos planejando projetos e parcerias para incentivar o setor”, afirmou o secretário.

VÍDEOS: os mais assistidos do G1 nos últimos 7 dias



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui