Pesquisa do Procon aponta variação de preços de 1.350% em itens de material escolar no Norte Fluminense | Norte Fluminense

0
23


O Procon RJ fez uma pesquisa sobre o preço dos itens de material escolar em cidades do Norte Fluminense e identificou uma variação de valores entre produtos de até 1.350%. O levantamento foi realizado por assessores da direção regional do órgão na última segunda (18) e terça-feira (19) em papelarias das cidades de Campos e São João da Barra.

As listas de material escolar para o ano letivo 2021 já foram distribuídas por algumas escolas, mesmo que o retorno presencial de boa parte dos alunos ainda seja incerto devido à pandemia da Covid-19.

De acordo com o diretor regional do órgão, o advogado Cláudio Andrade, esse é o momento de ter o dobro de atenção na hora da compra já que a tendência é que muitos pais façam a opção da compra pela internet.

“A pandemia aumentou e muito o acesso das pessoas para o hábito das compras on-line e, por isso, durante a aquisição do material escolar é preciso estar em alerta para a diferença de preços, que pode ser praticada entre produtos com a mesma funcionalidade. Pela internet ou na loja física o risco é o mesmo”, lembrou o diretor do Procon Rj.

Em Campos, a pesquisa foi realizada pela internet já que o município enfrenta um lockdown parcial na tentativa de frear a disseminação da Covid-19. Foram consultados três lojas que possuem site com preços e imagens dos produtos detalhados. Em São João da Barra, a equipe conseguiu presencialmente comparar preços no comércio da cidade, em duas lojas.

Pela internet em lojas de Campos a diferença de preço por exemplo, entre uma caneta esferográfica com a mesma funcionalidade, pode variar entre R$ 0,75 e R$10,10, variando marca e modelo.

Já o caderno de 200 folhas, 10 matérias, da mesma marca e modelo, pode variar entre R$39,90 em um site de uma papelaria da cidade e R$ 50,40 em outro.

Em São João da Barra, a pesquisa mostrou uma variação de preços de 54,35%, no preço de agenda escolar com arame de modelo e marca diferentes. O menor preço foi de R$23 e o maior R$35,50.

“Na próxima semana vamos estar nas ruas e divulgaremos a pesquisa comparativa de preços de mais dois municípios da nossa região”, adiantou Cláudio Andrade.



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui