Museu Histórico de Campos, RJ, tem programação especial para a Festa do Santíssimo Salvador | Norte Fluminense

0
13


O Museu Histórico de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, vai sediar uma programação especial para celebrar a 369ª Festa do Santíssimo Salvador. A agenda de apresentações musicais começa nesta quarta-feira (4) e vai até sexta-feira (6), dia do padroeiro da cidade.

Devido à pandemia, o evento será limitado para apenas 30 pessoas, mediante distribuição de pulseiras disponíveis na véspera de cada dia do evento. As apresentações acontecem às 19h, no pátio interno do Solar do Visconde de Araruama. Será obrigatório o uso de máscara.

O ingresso será a doação de 1kg de alimento não-perecível ou algum material de higiene e limpeza. O Museu fica na Praça do Santíssimo Salvador, número 40.

Apresentações acontecem no no pátio interno do Solar do Visconde de Araruama, Museu Histórico de Campos — Foto: Divulgação/Organizadores

Nesta quarta-feira, às 19h, o músico Gualter Torres (vocalista da Banda Forró Di Doido), se apresenta trazendo clássicos do forró.

Na quinta (5), será a vez da cantora Karine, trazendo o melhor da MPB. Ela é compositora das músicas “Cais” e “Matilha”, esta última gravada com a participação do cantor Xande de Pilares.

Já na sexta-feira (6), quem encerrará a programação, será o cantor e compositor Marcelo Benjá, também exibindo clássicos da MPB.

De acordo com a Prefeitura, os artistas são voluntários nessa ação solidária.

“Nosso Museu sempre realizou uma programação especial durante os festejos do Santíssimo Salvador. Desde o ano passado, em razão da pandemia, essa programação precisou ser interrompida. Este ano, seguindo todos os protocolos de prevenção ao contágio pela Covid-19, realizaremos a agenda de apresentações musicais, respeitando o distanciamento e com o público utilizando máscara durante todo o período de permanência no Museu”, enfatizou a presidente da FCJOL, Auxiliadora Freitas.

Os alimentos ou produtos de higiene e limpeza arrecadados nos três dias do evento serão doados para instituições de caridade da cidade. Os artistas, pessoalmente, junto da a equipe do Museu/FCJOL, irão realizar a entrega das doações.



Fonte: G1