Funcionários da limpeza do HGG, em Campos, RJ, fazem paralisação por atraso nos salários | Norte Fluminense

0
21


Os funcionários responsáveis pela limpeza do Hospital Geral de Guarus (HGG), em Campos, no Norte Fluminense, paralisaram parcialmente as atividades em protesto pelo atraso nos salários. A unidade é uma das principais do município. A paralisação começou na segunda-feira (28).

De acordo com a categoria, que é prestadora de serviço por Recibo de Pagamento Autônomo (RPA), os salários estão atrasados há mais de quatro meses.

“Nós estamos há quatro meses e meio atrasados. Não tem previsão de pagamento. Falaram que vão pagar o mês de agosto. Junho e julho vão ficar para trás. Aqui tem mãe de família, tem chefe de família que trabalha, entendeu. E todos nós precisamos trabalhar. Todo trabalhador é digno do seu salário. Tem gente que não tem nem arroz pra comer. Tem gente que não tem um feijão. Tem gente que tá passando muita dificuldade”, afirmou um colaborador que preferiu não se identificar.

Com a paralisação, o lixo se acumula pelas salas de atendimento do HGG em Campos, no RJ — Foto: Reprodução

O HGG tem 60 funcionários na equipe de serviços gerais. Com a paralisação, o lixo se acumula pelas salas de atendimento.

De acordo com representantes da categoria, a equipe tem trabalhado com 30% do efetivo, apenas garantindo serviços essenciais, como limpeza da emergência e centro cirúrgico.

Em nota, a Fundação Municipal de Saúde informou que irá realizar o pagamento de uma folha nesta quarta (30). Ainda segundo a FMS, as possibilidades para o pagamento dos dois meses e meio atrasados estão sendo avaliadas.

Caso o pagamento de todos seja efetuado ainda nesta quarta, a partir de quinta-feira (1º) o serviço volta a ser integral em todas as outras áreas do hospital, afirma a categoria.



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui