Confira a entrevista com Odisseia, candidata à Prefeitura de Campos pelo PT | Norte Fluminense

0
34


No dia 15 de novembro 360.626 eleitores de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, vão às urnas escolher quem vai ser o prefeito e os vereadores da cidade a partir de 1º de janeiro de 2021. E para ajudar o eleitor a definir o seu voto, o G1 convidou os 11 candidatos a participar de uma entrevista com cinco perguntas sobre temas que influenciam a vida da população.

Os candidatos que enviaram as respostas após o prazo não tiveram os seus conteúdos publicados. Respostas que ultrapassaram o limite de caractere, previamente informado, também foram cortadas para garantir o mesmo espaço de resposta a todos os postulantes.

Odisseia é a candidata pelo Partido dos Trabalhadores à Prefeitura de Campos. Ela tem 56 anos, atuou como professora da rede pública estadual por quase 15 anos. Na carreira política, foi vereadora por um mandato em Campos, de 2009 a 2012.

Confira a entrevista com a candidata:

1. Caso eleito, quais medidas, na prática, o senhor pretende implementar para a população ter acesso a uma saúde pública de qualidade?

Saúde só funciona com segurança alimentar. E segurança alimentar começa com a primeira infância. Por isto, esta população deve ser atendida em primeiro lugar. Quem são os mais afetados com o atual quadro de mal investimento na saúde ? As mulheres negras, idosas, periféricas e evangélicas neopentecostais. São elas as que mais procuram o INSS em busca de benefícios sociais, as que mais utilizam a saúde precária do munícipio e as que, segundo o Instituto Vox Populi, foram determinantes para ascensão de Jair Bolsonaro à Presidência da República. Novamente serão elas que determinaram o processo eleitora(…) G1: O texto ultrapassou o número de caractere determinado e, por isso, foi cortado para garantir o mesmo espaço a todos os candidatos.

2. É possível não depender dos recursos dos royalties numa gestão municipal? Como?

Investindo na vocação da cidade como pólo universitário de pesquisa, ensino e extensão. Investindo no pequeno agricultor para multiplicar a produção local e assim fazer circular com preços mais justos para a população. Investir em tecnologia com apoio a projetos de baixo custo e que possam ser aliados dos IFFs , das Universidades. Investir no patrimônio de Campos, como hoje ocorre em cidades históricas como São Joâo Del Rey e Tiradentes, que ao apostarem em um turismo cultural, colocaram as cidades no roteiro nacional de visitação.

3. Infraestrutura da cidade: quais as prioridades e como atendê-las?

Estradas para escoamento de produção, melhoria das condições gerais das ruas. Melhoria de iluminação com investimento em formas mais limpas de uso energia. Investimento em saneamento para bairros que ainda sofrem com fossas a céu aberto. Melhoria das ciclovias existentes e estímulo ao uso de bicicletas para o deslocamento.

4. Quais serão as principais ações do governo voltadas para o desenvolvimento da economia local e geração de empregos em Campos?

Campos já teve setores muito interessantes para a produção e geração de renda local. A possibilidade de modernizar a produção cerâmica, um vetor potencial já existente na economia da cidade. A cidade já teve fábricas de jeans que faliram. Mas com uma população de 500 mil habitantes, esta produção em formato cooperativado e com estímulo do Estado pode voltar a cena econômica. A produção de farinha, mandioca e cachaça como investimentos para feiras nacionais e internacionais pode ser uma ótimo estímulo local. O beneficiamento de frutas para doces de forma planificada e organizada seria bem vindo pois a (…) G1: O texto ultrapassou o número de caractere determinado e, por isso, foi cortado para garantir o mesmo espaço a todos os candidatos.

5. Cite outras ações, além das citadas anteriormente, ou algum projeto específico que a senhora gostaria de implementar e contar à população sobre?

Implementar: Orçamento Participativo; Incubadoras sociais; Plenárias Populares para os grandes temas da cidade como Segurança Pública, Cultura, Agricultura, Trabalho; Negociação das taxas de água, esgoto, iluminação; Moeda social para fortalecimento do comércio local.

Vídeos: Funciona Assim – Eleições 2020



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui