Tite elogia gramado do Maracanã e prevê espetáculo em final Brasil x Argentina 

0
11


O treinador também confirmou a ausência do lateral-esquerdo Alex Sandro, com lesão na coxa esquerda, e disse como tentar parar Lionel Messi, astro da Albiceleste

EVANDRO LEAL/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDOTite tenta o bicampeonato da Copa América com a seleção brasileira

Depois de criticar inúmeras vezes a Conmebol pela organização da Copa América, Tite exaltou o gramado do Maracanã, palco da final entre Brasil e Argentina, neste sábado, 10, a partir das 21 horas (de Brasília). Em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira, o treinador da seleção brasileira projetou um grande espetáculo na decisão que será realizada no principal estádio do território brasileiro. “Eu tinha dito anteriormente, diretamente à Conmebol, que o campo não estaria bom. Nós fomos ver o campo, ele vai estar bom. Deu tempo hábil de fazer, vai proporcionar sim um grande espetáculo”, disse o treinador, nesta sexta-feira, em entrevista coletiva.

Já falando da decisão em si, Tite tratou de exaltar os jogadores de ambas as equipes, destacando os feitos de Brasil e Argentina, além dos craques Messi e Neymar. “São os dois últimos sul-americanos campeões do mundo. 2002, 1994, 86 a Argentina. Tem uma dimensão, sem desprezar Colômbia, Uruguai, são ícones do futebol mundial. Falar de Messi e Neymar é falar de excelência, virtudes técnicas, mentais, físicas, capacidade de criação muito alta. É um grande desafio, um grande espetáculo”, disse o técnico, que demonstrou bom humor quando perguntado como poderia fazer para parar Messi. “Se tu disser como faz para marcar o Neymar, a gente abre como marca o Messi também. Eu sei, mas não vou dizer. A gente não neutraliza, a gente diminui ações do adversário”, afirmou Tite, que não revelou a escalação da equipe, mas confirmou a ausência do lateral-esquerdo Alex Sandro, com lesão na coxa esquerda.





Fonte: Jovem Pan