Técnico de Ronaldo na Inter de Milão, Gigi Simone morre aos 81 anos

6

Gigi Simone, ex-treinador da Inter de Milão, morreu nesta sexta-feira (22), aos 81 anos de idade. A informação foi confirmada pelo próprio clube italiano, que não especificou a causa do falecimento. Comandante do time campeão da Copa da Uefa de 1998, ele foi uma espécie de “segundo pai” de Ronaldo Fenômeno, grande estrela daquela equipe.

“Lembramos de Gigi Simoni e sentiremos falta de tudo nele. Primeiro e acima de tudo, sua maneira cavalheiresca de ser. Sua maneira de viver, tanto na vida quanto no futebol, nunca foi exagerada. Seu futebol refletia isso: era humilde, funcional e capaz de aproveitar ao máximo o que ele tinha a oferecer”, lamentou a Inter.

No comunicado, a Inter também recordou que Gigi Simoni chegou ao clube junto com Ronaldo Fenômeno, em 1997. “Aprendi mais com Ronaldo do que ele comigo nesta temporada”, disse o técnico, anos atrás.

Como treinador, Gigi Simoni também trabalhou em outras equipes da “Terra da bota”, como Napoli, Lazio, Torino e Genoa.


Fonte: Jovem Pan