Spimpolo critica SPFC e detona Dani Alves: ‘É o dono do time?’; assista

0
18


Confira a opinião do repórter do Grupo Jovem Pan sobre a difícil classificação do Tricolor paulista na Copa do Brasil

Montagem sobre fotos/Reprodução/Jovem Pan/São Paulo FCSpimpolo detonou o São Paulo após classificação sofrida contra o Fortaleza

O São Paulo quase deixou a vaga para as quartas de final da Copa do Brasil escapar entre os dedos. Depois de abrir 2 a 0, o time de Fernando Diniz viu o Fortaleza empatar nos minutos finais e levar a decisão para as penalidades. Depois de uma angustiante disputa, o Tricolor levou a melhor sobre o Leão do Pici, mas deu a impressão de que não irá longe no torneio nacional. Ao menos, essa é a opinião do repórter Marcio Spimpolo, do Grupo Jovem Pan, que detonou as escolhas feitas pelo treinador são-paulino e ainda questionou o futebol exibido por Daniel Alves, capitão e número 10 da equipe paulista.

“Óbvio que é pouco e que não inspira confiança. O São Paulo bateu na trave em mais uma eliminação. Seria o Paulista, primeira fase da Libertadores e a Copa do Brasil. É muito pouco. O desempenho agrada? Não. Tem muita coisa errada. O Fernando Diniz não é esse técnico que muita gente enxerga. Mexeu mal mais uma vez no time, chamando o adversário para cima no final. Um time que está vencendo o jogo não pode fazer falta perto da sua área, correndo o risco de tomar o gol”, disparou Spimpolo. “O Daniel Alves está jogando mal, nunca é substituído e é o dono do time. Ele faz o que quer porque escolheu o técnico. Então, tem muita coisa errada. Imagino que o torcedor não tenha nenhuma confiança de chegar longe da Copa do Brasil, competição que ele não tem”, continuou.

O São Paulo, agora, concentra as suas atenções na Copa Sul-Americana. Na próxima quarta-feira, o Tricolor encara o Lanús, na Argentina, na partida de ida válida pela 2ª fase do torneio. O segundo confronto, no Morumbi, está marcado para a semana que vem. Para Spimpolo, no entanto, não existe garantia de classificação no torneio continental. “Vai estrear na Sul-Americana, diante de um time que não é forte, mas que ele corre o risco de ficar fora porque é um torneio mata-mata. É um time que custa caríssimo, que não dá nem para comparar com o Fortaleza, que é muito mais arrumado pelo técnico Rogério Ceni. Então, foi uma decepção. Um time que vencia por 2 a 0 e que quase foi eliminado em casa. É um ano decepcionante para o São Paulo, que foi eliminado pelo Mirassol, ficou fora na Libertadores. Até quando esse festival de desculpas?É muito pouco o que o São Paulo tem produzido”, falou o profissional da Jovem Pan.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui