São Paulo vê desempenho despencar com ausência de Luan; veja números

0
14


Estatísticas comprovam a importância do volante no time treinado por Fernando Diniz

RENATO GIZZI/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDOBrenner e Luan comemoram vitória do São Paulo contra o Botafogo

O São Paulo tenta se reestruturar após sofrer uma dura derrota para o RB Bragantino por 4 a 2, na última quarta-feira, fora de casa, pelo Campeonato Brasileiro. Para tentar manter a vantagem na liderança da competição e retomar o caminho das vitórias diante do Santos, no próximo domingo, 10, o Tricolor se apega ao fato de Luan retornar ao time titular. Baixa na equipe de Fernando Diniz após cumprir suspensão no último confronto, o volante é fundamental para o funcionamento do conjunto são-paulino e os números comprovam isso.

Na atual temporada, o São Paulo teve Luan em campo durante 32 partidas, somando 21 vitórias, 7 empates e 4 derrotas, com um aproveitamento de 72,9% dos pontos. Já na ausência do volante revelado na categoria de base do Tricolor, o time contabiliza 6 triunfos e acumula 9 derrotas em 21 jogos, conquistando apenas 37,7% da pontuação possível. Os dados são do “SofaScore”, site especializado em estatísticas de futebol.  Os números também revelam que o Tricolor costuma sofrer menos gols e ceder menos chances aos adversários com a presença de Luan. Além disso, a equipe são-paulina costuma fazer mais gols com o atleta, que é peça-chave na transição ofensiva no time de Fernando Diniz.

Em entrevista exclusiva ao repórter Giovanni Chacon, do Grupo Jovem Pan, no começo de dezembro, Luan demonstrou humildade e dividiu os méritos com outros companheiros. “Nosso elenco é muito forte e todos os jogadores se propuseram a acabar com isso. Claro que eu, Bruno Alves, Arboleda, Juanfran e Volpi ficamos atrás e temos essa responsabilidade, mas contamos muito com a ajuda do pessoal lá dá frente, como o Brenner e o Luciano. Nós somos uma equipe que marca na frente e não fica esperando as outras equipes. Pressionamos muito e contamos muito com a ajuda dos atacantes para ir bem atrás”,  disse o jovem de 21 anos.

Restando dez rodadas para o término do Brasileirão, o São Paulo lidera com 56 pontos, seis a mais que o segundo colocado Internacional. Atlético-MG e Flamengo, os outros concorrentes ao título, têm 49 pontos e possuem uma partida a menos que os adversários.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui