Santos: sócios aprovam saída de José Carlos Peres da presidência

0
10


93,23% dos participantes da Assembleia Geral apoiaram o seu afastamento definitivo do cargo; contas de 2019 e 2018 tinham sido reprovadas pelo Conselho Fiscal

Ivan Storti/Santos FCCom impeachment aprovado, Peres está definitivamente afastado da presidência do Santos

Neste domingo, 22, os sócios do Santos aprovaram o processo de impeachment do presidente José Carlos Peres. Durante votação realizada no ginásio da Vila Belmiro, 93,23% dos participantes da Assembleia Geral apoiaram o seu afastamento definitivo do cargo. Desde setembro, a posição já estava sendo exercido por Orlando Rollo, que permanecerá ocupando a presidência até 31 de dezembro. O impeachment de Peres se deu por gestão temerária, já que as contas da sua gestão em 2019 foram reprovadas pelo Conselho Fiscal e pelo Conselho Deliberativo do Santos. Apesar do superávit de R$ 32,5 milhões, as entidades apontaram irregularidades como descumprimento do que havia sido orçado, pagamento de comissões de venda de Bruno Henrique ao Flamengo, uso do cartão corporativo para despesas pessoais e a suposta contratação de um escritório de advocacia para defender Pedro Doria, ex-membro do Comitê de Gestão, em um caso pessoal.

Peres também teve as suas contas reprovadas no Santos em 2018, quando o déficit foi de R$ 77 milhões. Naquele ano, ele também foi alvo de processo de impeachment, mas o seu mandato havia sido mantido pelos sócios. Em duas votações, 2.001 sócios, de um total de 3.165, e 2.064, de um total de 3.171, tinham reprovado a recomendação do conselho. Agora, os sócios do clube voltarão a votar, em 12 de dezembro, para definir o presidente para o período de 2021 a 2023. Os candidatos são: Fernando Silva, Milton Teixeira Filho, Ricardo Agostinho, Andrés Rueda, Rodrigo Marino e Daniel Curi.

*Com Estadão Conteúdo





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui