Ronaldo não fica em silêncio após quitação de dívidas no Cruzeiro: “Fez questão de lembrar”

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Uma notícia agitou os bastidores do Cruzeiro na última segunda-feira (24), trazendo ares de esperança, já que o primeiro objetivo foi cumprido: foi feito o pagamento das dívidas que geraram processos na Fifa, fazendo com que a entidade possa liberar o clube a inscrever jogadores. Novo dono do clube, Ronaldo desembolsou mais de R$ 20 milhões para resolver a situação, mas enviou uma carta aos sócios-torcedores sobre o assunto.

Dentro da mensagem assinada pelo craque, fez questão de lembrar que ainda não é, de fato, dono das ações da Raposa, mas mesmo assim não abriu mão de resolver essa pendência. Em dezembro, quando houve anúncio do acordo, houve a assinatura da intenção da compra de 90% das ações da SAF, que ainda está em fase de análise do clube.

“Esse pagamento não estava previsto para o momento atual – estamos em período de diligência e ainda não assinamos o contrato de compra que me confirmará como acionista majoritário da SAF. Meu movimento é um voto de confiança na recuperação da nossa casa e um passo firme em direção a um novo Cruzeiro – austero, forte, comprometido e respeitoso”, salientou o ex-atacante.

Ronaldo não fica em silêncio após quitação de dívidas no Cruzeiro: “Fez questão de lembrar”
© Fornecido por Bolavip Brasil (Photo by Buda Mendes/Getty Images)

Esse problema envolvia, em especial, 2 situações: o primeiro era o pagamento que necessitaria ser feito ao Defensor, do Uruguai, por Arrascaeta, que atualmente joga pelo Flamengo. Além disso, a mesma situação acontecia junto ao Mazlatán, do México, por Duvier Riascos, que está no Alianza. Ambas as situações eram conhecidas desde o meio de 2021, quando as sanções foram impostas.

Dessa forma, com essas pendências resolvidas e aliviando um pouco o clima pesado nos bastidores, a Raposa corre contra o tempo para conseguir registrar os 11 reforços anunciados para a temporada. Porém, a situação ainda depende da Fifa, que precisa dar baixa na punição e comunicar a situação à CBF. A “correria” se dá pelo fato de que o clube tem até 19h desta terça para registrar os jogadores.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para [email protected]