Pressionado, Fernando Diniz não cogita deixar o São Paulo: ‘Confio nos atletas’

0
14


A derrota do Tricolor para o Atlético-GO fez com que o time despencasse para a quarta posição; treinador está sendo extremamente criticado pela torcida

Foto: FERNANDO ROBERTO/UAI FOTO/ESTADÃO CONTEÚDOFernando Diniz pode ser demitido pelo São Paulo ainda nesta segunda-feira

A derrota do São Paulo para o Atlético-GO fez com que a pressão sobre Fernando Diniz aumentasse ainda mais. Com o resultado, o time chegou ao sétimo jogo sem vencer, caindo para a quarta posição do Campeonato Brasileiro e praticamente dando “adeus” às chances de título na temporada. Ainda assim, na entrevista coletiva após a partida de domingo, 31, realizada em Goiânia, o treinador afirmou que não cogita pedir demissão. “O momento é ruim, mas não pensei nisso, não. Confio nos atletas e acho que eles têm poder de reagir”, comentou.

Na manhã desta segunda-feira, porém, a diretoria do São Paulo marcou uma reunião que pode definir uma mudança no comando técnico da equipe. Nas redes sociais, muitos internautas são-paulinos pediram a saída do treinador, que foi contratado no final de setembro de 2019 e até fez o Tricolor demonstrar um bom futebol em alguns momentos, mas ainda não tirou o clube da fila de títulos – são oito temporadas sem erguer uma taça sequer.

Questionado sobre o motivo da abrupta queda de rendimento do São Paulo, Fernando Diniz não soube responder. “É uma pergunta que a gente tenta responder desde que começou essa sequência. Acho que pesa a desclassificação na Copa do Brasil (na semifinal para o Grêmio). Tivemos jogos em que as coisas não aconteceram. O jogo do Coritiba, que a vitória escapou. Hoje com 1 a 1 tivemos o ataque e não fizemos. Buscamos solução todos os dias. Trabalho não está faltando. Ninguém está feliz com isso. É trabalhar e tentar acertar o time”, comentou.

O São Paulo volta a campo somente no dia 10 de fevereiro, quando recebe o Ceará, no Morumbi. A partida contra o Palmeiras, que estava marcada para esta semana, foi adiada devido a classificação do rival para o Mundial de Clubes, que será disputado no Catar. Na quarta posição, o Tricolor tem 58 pontos, sete a menos que o líder Internacional.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui