Presidente do Corinthians chama jornalista de ‘vagabundo’, mas pede desculpas depois

0
15


Duílio Monteiro Alves disse que ofensa foi um mal entendido e negou que o Timão negocie com Róger Guedes, como noticiou Jorge Nicola em seu canal no YouTube

Rodrigo Coca/Agência Corinthians – 26/01/2021Duílio Monteiro Alves presidente o Corinthians desde janeiro deste ano

Duílio Monteiro Alves, presidente do Corinthians, não chamou o jornalista Jorge Nicola de “vagabundo” durante uma conversa no Twitter devido a uma informação sobre o atacante Róger Guedes. Em seu canal no YouTube, Nicola disse que Guedes não apenas deu sua palavra que jogará no Timão em 2021 como tirou fotografias com os dirigentes alvinegros. No entanto, a situação contratual do avante requer cuidado. Ele acabou de rescindir seu contrato com o Shandong Luneng, da China. Se ficar provado que o Corinthians influenciou a decisão do atleta, o clube paulista correrá o risco de ser condenado a compensar os chineses financeiramente.

Após a repercussão do entrevero com Nicola, Duílio se retratou, mas disse que tudo não passou de um mal entendido. Além disso, voltou a negar que o Corinthians negocia com Róger Guedes. “Quero pedir desculpas ao Jorge Nicola por uma postagem grosseira que fiz por acidente. Fui rebater uma ofensa pesada que recebi aqui e acabei respondendo a um post dele por engano. Aproveito, porém, pra negar: não há nada acertado com o referido jogador, que tem contrato em vigor”, escreveu o mandatário corintiano no Twitter.

Em uma conversa no Twitter, perfil  direcionado ao Corinthians diz: "Segundo Jorge Nicola, Róger Guedes já tirou foto com dirigentes corintianos e vestiu o manto"; "Esse é um vagabundo", respondeu Duílio Monteiro Alves





Fonte: Jovem Pan