Presidente do COI espera que Jogos Olímpicos de Tóquio tenham público

0
11


“O que não sabemos é se poderemos ter estádios com plena capacidade”, ressaltou o dirigente

Laurent Gillieron/EFE Thomas Bach é o atual presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI)

O presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, admitiu que a entidade acredita que os Jogos de Tóquio, que foram adiados de 2020 para 2021, contarão com a presença de público nas arquibancadas. “O COI trabalha com base de que haverá um público internacional. O que não sabemos é se poderemos ter estádios com plena capacidade”, disse o dirigente, durante encontro virtual da Comissão Executiva do Comitê Olímpico.

Além disso, Bach explicou que não é possível definir, neste momento, uma data limite para que sejam colocados à venda ingressos para os Jogos para o público que não está no Japão, devido à pandemia da Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus. O dirigente alemão citou os “bons exemplos” vistos no Japão, de competições com presença de público e se referiu a “ferramentas adicionais” que os organizadores e o COI esperam ter em dez meses, se referindo aos testes rápidos de detecção do novo coronavírus e a uma possível vacina.

O Comitê Local dos Jogos de Tóquio apresentaram nesta quarta-feira ao COI um plano para economizar US$ 280 milhões (R$ 1,56 bilhão) com 52 medidas que visam simplificar a realização do evento. Questionado sobre possíveis mudanças na Cerimônia de Abertura considerada de alto custo econômico, Bach afirmou que o formato deve ser mantido, mas o conteúdo poderia ser ajustado de alguma forma. “Mas, não vamos mexer na experiência dos atletas”, disse.

*Com informações da Agência EFE





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui