Peru: Governo libera a retomada dos campeonatos de futebol no país

15

O futebol do Peru será retomado depois que o governo do país incluiu o esporte na lista de atividades que podem ser reiniciados mesmo diante da prorrogação da quarentena decretada em razão da pandemia de coronavírus até 30 de junho.

“É importante? Sim, sempre respeitando os protocolos de segurança”, declarou o presidente peruano, Martín Vizcarra, durante um pronunciamento em cadeia nacional de televisão, durante o qual deu detalhes do alcance da nova fase de recuperação econômica que será aplicada nesta extensão do confinamento.

O governo concordou com o pedido da Federação Peruana de Futebol (FPF), mas Vizcarra fez uma ressalva: “Os jogos terão de ser sem torcedores, que os assistirão de suas casas”.

O chefe de governo não deu qualquer detalhe sobre requisitos ou protocolos que o Ministério da Saúde deve exigir dos clubes profissionais de futebol para retornar às suas atividades, incluindo uma possível obrigação de se submeter a testes de coronavírus.

O plano prevê que os clubes das duas primeiras divisões do Campeonato Peruano possam voltar aos treinos em junho, com a expectativa de retomar os jogos em julho. A competição foi interrompida em meados de julho, depois de seis rodadas do Apertura – ainda faltam todo o Clausura e a Copa Bicentenário. A segundona ainda não havia começado.

Atual campeão nacional, o Binacional anunciou mais cedo que não pagaria os salários dos jogadores depois que estes recusaram três propostas de redução salarial durante a pandemia.

* Com EFE


Fonte: Jovem Pan