Neymar foca na Liga dos Campeões e minimiza Bola de Ouro: ‘Não Estou nem aí’ 

0
9


O camisa 10 do Paris Saint-Germain falou sobre a expectativa do confronto desta quarta-feira, 28, diante do Manchester City e menosprezou a concorrência com Mbappé pelo posto de melhor jogador do mundo na temporada

EFE/EPA/IAN LANGSDONNeymar é o camisa 10 do Paris Saint-Germain

O Paris Saint-Germain encara nesta quarta-feira, 28, o Manchester City, no Parque dos Príncipes, na França, na primeira semifinal da Liga dos Campeões da Europa – a volta está marcada para a próxima terça-feira, na Inglaterra. Em busca da sua segunda final do torneio e de seu primeiro título na glamorosa competição da Uefa, o PSG conta com o talento de Neymar para desequilibrar diante dos ingleses. Em entrevista coletiva na véspera do jogo decisivo, foi justamente o brasileiro quem apareceu para falar com a imprensa. Focado em fazer história na equipe parisiense, o camisa 10 afirmou que mira apenas no troféu e não se importa com os prêmios The Best ou com a Bola de Ouro, entregues ao melhor jogador do planeta na temporada pela Fifa e pela revista “France Football”, respectivamente.

“Estou muito feliz com a temporada que o Paris Saint-Germain está fazendo. A questão da Bola de Ouro, já nem ligo para isso. Não é uma coisa que eu penso, para ser bem sincero eu não estou nem aí. Quero é ganhar a ‘Champions League’, quero vencer. Isso com certeza faz a diferença na minha vida, na minha carreira. Com certeza lá na frente vou olhar para trás e ver que ganhei uma, duas, três ou quatro ‘Champions’. Isso é o mais importante”, disse Neymar, que faturou uma Liga dos Campeões com o Barcelona, ao lado de Lionel Messi, Luis Suárez e companhia.

Já questionado se Kylian Mbappé, seu companheiro de PSG, está à frente na disputa pela Bola de Ouro, Neymar minimizou o tema novamente e reforçou a amizade com o atacante francês, artilheiro do time na temporada 2020/21 e destaque nas classificações diante do Barcelona e do Bayern de Munique. “A gente tem uma grande amizade, é um grande jogador e vem demonstrando isso a cada ano. Espero que ele siga fazendo gols, que continue jogando bem. Claro que vou sempre torcer para que ele atinja todos os recordes possíveis. Além de um bom jogador é uma boa pessoa. Tenho certeza que ele está no caminho certo também”, afirmou.

O brasileiro ainda destacou as campanhas recentes do time francês na Liga dos Campeões, que fazem com que, segundo ele, o respeito seja maior por parte dos rivais – na última edição, o PSG foi vice-campeão, perdendo a final para o Bayern de Munique. “O PSG cresceu sim, é um clube mais respeitado. Você fala em PSG, sabe que está entre os quatro, cinco, seis melhores de todas as ligas. É o respeito que o PSG merece, foi atrás isso. É uma equipe forte, estamos entre as quatro melhores. Ficamos em segundo ano passado, esse ano vamos fazer de tudo para ficar com o título”, completou.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui