Messi dedica título da Copa América a Maradona: ‘Certamente nos apoiou’

0
13


O craque da competição também homenageou a família, seus amigos e o povo argentino após conquistar a taça no Maracanã

EFE/ANTONIO LACERDALionel Messi erguendo a taça da Copa América após vitória da Argentina sobre o Brasil no Maracanã

Lionel Messi segue em êxtase com o título da Copa América, o seu primeiro conquistado com a seleção principal da Argentina, diante do Brasil, no último sábado, 10, em pleno Maracanã. Na noite de ontem, o craque da competição dedicou a taça à família, seus amigos, ao povo argentino e ao craque Diego Armando Maradona, que morreu em 25 de novembro de 2020, aos 60 anos, devido à uma parada cardiorrespiratória. “Quero dedicar essa conquista à minha família, que sempre me deu força para seguir em frente, aos meus amigos que tanto amo, a todos que nos apoiam, em especial aos 45 milhões de argentinos que tiveram tanta dificuldade com este vírus de m… É para todos vocês e, claro, para Diego, que certamente nos apoiou de onde está”, afirmou através das redes sociais.

Com um golaço de Ángel Di María, a seleção argentina fez 1 a 0 no Brasil, voltando a erguer um caneco depois de 28 anos na fila – a última conquista havia sido a Copa América de 1993. “Foi uma Copa incrível. Sabemos que ainda podemos melhorar muito, mas a verdade é que os garotos deixaram a alma e não posso estar mais orgulhoso de ter a sorte de ser capitão deste grupo espetacular”, escreveu no Instagram o camisa 10 da Argentina, que também afirmou que “esta felicidade para ganhar força para lutar juntos e vencer o coronavírus”. “Para podermos continuar festejando, temos que continuar nos cuidando. Não podemos nos esquecer que ainda falta muito para voltarmos à normalidade”, completou.





Fonte: Jovem Pan