Mbappé reafirma vontade de sair do PSG e rebate clube: ‘Minha posição foi clara’

0
11


O atacante disse que a versão do Paris Saint-Germain sobre o assunto é uma ‘mentira’ e soou como se ele fosse um ‘bandido’

Yoan Valat/EFEKylian Mbappé deve deixar o PSG na próxima temporada

Kylian Mbappé quebrou o silêncio nesta segunda-feira, 4, e confirmou que gostaria de ter deixado o Paris Saint-Germain na última janela de transferências, encerrada no fim de agosto. De acordo com o atacante, que tem contrato somente até a metade de 2022, sua intenção era deixar um bom dinheiro para o clube adquirir um jogador do mesmo nível. “A partir do momento em que não quis renovar o meu contrato, disse ao PSG que queria sair. Queria que o PSG conseguisse uma quantia importante com a minha venda de forma a conseguir encontrar um substituto de qualidade”, afirmou, em uma entrevista que será veiculada nesta terça-feira à emissora de TV francesa RMC Sport. “O PSG me deu muito e sempre fui feliz nos quatro anos em que estive aqui. Ainda sou feliz. Anunciei a minha intenção para que o clube pudesse reagir a tempo. Queria que tudo corresse bem para alcançarmos um acordo. Disse aos responsáveis do PSG que se não me quisessem vender, ficaria no clube”, acrescentou.

Mbappé, no entanto, rebateu o discurso da diretoria do PSG, que alega ter feito várias propostas para renovar o vínculo do atacante. Segundo o atleta de 22 anos, os mandatários do clube sabem da sua vontade de deixar a França desde o fim de julho. “Dizem que recusei seis ou sete ofertas para renovar o contrato e que não queria mais falar com o Leonardo (diretor de futebol do Paris Saint-Germain). Isso não é verdade. A minha posição sempre foi clara, informei o clube da minha intenção de sair no final de julho. Não gostei que o clube tivesse dito que só avisei que queria sair no final de agosto. É mentira e soou como se fosse um bandido. Disse ao PSG que queria sair no final de julho”, contou o atacante, que poderá assinar um pré-contrato com qualquer outra equipe a partir de 1º de janeiro.

Na última janela de transferências, o Real Madrid chegou a fazer duas ofertas para tirar Mbappé do Paris Saint-Germain, sendo a última superior a R$ 1 bilhão. A diretoria do PSG, ainda assim, preferiu não negociar o atacante, que passou a formar um trio com Lionel Messi e Neymar. Na atual temporada, ele soma 4 gols em 11 jogos, sendo fundamental no time treinado pelo argentino Maurício Pochettino. Atualmente, a equipe parisiense lidera o seu grupo na Liga dos Campeões e é a primeira colocada do Campeonato Francês.





Fonte: Jovem Pan