Marta se manifesta após escândalo de assédios na CBF: ‘Nossa luta vai além dos gramados’

0
8


Através de sua conta no Instagram, a estrela da seleção brasileira lamentou o episódio, mas ressaltou que a luta contra o abuso não pode parar e incentivou que os brasileiros e brasileiras denunciem os casos

Reprodução/CBFMarta já foi eleita a melhor jogadora do mundo em seis oportunidades

Marta, eleita seis vezes a melhor jogadora do mundo, se pronunciou pela primeira vez desde que as acusações de assédio sexual e moral envolvendo o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF)Rogério Caboclo, tornaram-se públicas. Através de sua conta no Instagram, a estrela da seleção brasileira lamentou o episódio, mas ressaltou que a luta contra o abuso não pode parar e incentivou que os brasileiros denunciem os casos. A postagem foi feita pouco antes do começo do amistoso preparatório para os Jogos Olímpicos de Tóquio entre Brasil e Rússia. Outras jogadoras da seleção e a técnica Pia Sundhage também compartilharam a mensagem.

“Todos os dias no Brasil, milhares de pessoas são acometidas e desrespeitadas com cenas de assédio, seja moral ou sexual. Especialmente nós, mulheres. São brasileiras e brasileiros, vítimas de abusos e atos que vão contra os nossos princípios de igualdade e construção de um mundo mais justo. Dizer não ao abuso são mais do que palavras, são atitudes. Encorajamos que mulheres e homens denunciem. Nossa luta pelo respeito e igualdade vai além dos gramados! Hoje mais uma vez dizemos: Não ao assédio”, escreveu a craque, utilizando a ferramenta “Stories”.





Fonte: Jovem Pan