Locutor esportivo Jacir de Oliveira morre aos 48 anos, vítima da Covid-19

0
28


Internado desde 4 de junho no Hospital Universitário Evangélico Mackeinze, na capital paranaense, o locutor ficou reconhecido nacionalmente pelo bordão ‘Tá lá’

Reprodução/Facebook/Radio Transamérica CuritibaLocutor esportivo Jacir Oliveira morreu devido à Covid-19

O narrador esportivo Jacir de Oliveira, da Rádio Transamérica de Curitiba, morreu nesta terça-feira, 6, aos 48 anos, em decorrência da Covid-19. Internado desde 4 de junho no Hospital Universitário Evangélico Mackeinze, na capital paranaense, o locutor ficou reconhecido nacionalmente pelo bordão “Tá lá”, ganhando destaque, principalmente, nas transmissões da campanha do Athletico-PR no título da Copa do Brasil de 2019. Em nota oficial, o Furacão prestou sua homenagem ao jornalista. “As principais conquistas do Athletico nos últimos anos ficaram eternizadas na voz de Jacir, que tinha o bordão ‘Tá lá!’. O Athletico presta sinceras condolências a todos os familiares e amigos de Jacir de Oliveira”, diz um trecho do comunicado.

Através das redes sociais, a Rádio Transamérica também lamentou o falecimento de Jacir.” Neste dia 06.07 a Transamérica lamenta, com profunda tristeza a perda do nosso amigo, narrador e uma lenda das nossas transmissões esportivas: Jacir de Oliveira. Não temos palavras para expressar tamanha dor e a falta que sentimos do nosso amigo. Deixamos as nossas profundas condolências à família, amigos e admiradores do trabalho do ‘Jaça’ como era carinhosamente chamado por nós. Seu legado jamais será esquecido. Obrigada Jaça, por tudo! Descanse em paz.





Fonte: Jovem Pan