Larry Nassar:ex-médico de ginástica é esfaqueado em prisão – 10/07/2023 – Esporte


O ex-médico da USA Gymnastics, Larry Nassar, foi esfaqueado várias vezes durante uma briga em uma prisão federal na Flórida, segundo informações da agência de notícias AP. Ele está em condição estável.

Nassar foi esfaqueado nas costas e no peito durante uma discussão no domingo, informou a AP, citando uma pessoa familiarizada com o assunto.

A reportagem não forneceu mais detalhes. Representantes da Penitenciária Coleman, na Flórida, não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

Em 2018, Nassar foi condenado a até 175 anos de prisão por abusar sexualmente de jovens ginastas que foram confiadas aos seus cuidados.

A decisão foi anunciada pela juíza Rosemarie Aquilina, da Corte do Condado de Ingham, na cidade de Lansing (Michigan), após sete dias de julgamento.

“É minha honra sentenciá-lo porque o senhor não merece sair de uma prisão nunca mais. Em qualquer lugar por onde você andasse, a destruição ocorreria para os mais vulneráveis”, disse a magistrada, que ainda acrescentou: “Acabei de assinar sua sentença de morte”.

Nassar foi acusado de cometer seguidos abusos de meninas (a partir de seis anos de idade) e adolescentes, sob o pretexto de dar-lhes tratamento médico. Em novembro, durante o processo, ele chegou a admitir que cometeu o crime contra sete atletas.

No entanto, um total de 156 mulheres, incluindo campeãs olímpicas como Aly Raisman, Jordyn Wieber, Gabby Douglas e Simone Biles, deram depoimentos de como foram abusadas, algumas de forma anônima, outras enviando cartas e vídeos para a corte, mas a maioria comparecendo pessoalmente ao tribunal para encarar Nassar frente a frente.





Folha de S.Paulo