Jean Todt diz que Michael Schumacher não é o melhor de todos os tempos da Fórmula 1

0
12


Mesmo sendo amigo pessoal do heptacampeão mundial, o presidente da FIA não quis colocar o alemão em um pedestal

Reprodução/Twitter/@JeantodtJean Todt e Schumacher formaram uma parceria de sucesso na Ferrari

Presidente da FIA (Federação Internacional de Automobilismo), Jean Todt afirmou, nesta sexta-feira, 26, que não considera Michael Schumacher o melhor de todos os tempos da Fórmula 1. Mesmo sendo o chefe do alemão nos tempos de Ferrari e ainda sendo amigo pessoal do heptacampeão mundial, o francês não quis colocá-lo em um pedestal. “Nunca considerei Schumacher como o maior piloto da história porque acho que é algo muito difícil. Acho que existem campeões excepcionais em diferentes épocas. Por exemplo, Fangio foi o melhor de sua época, assim como Jim Clark. Hoje podemos dizer que Hamilton é o número um”, declarou o ao ‘Canal+’. “Você pode tentar quantificar usando as Copas do Mundo conquistadas, mas existem muitas condições diferentes”, completou.

Atualmente, Michael Schumacher e Lewis Hamilton são os maiores vencedor da Fórmula 1, com sete conquistas cada. O britânico, no entanto, pode faturar o oitavo título nesta temporada – a duas corridas do fim, o piloto da Mercedes tem oito pontos a menos que Max Verstappen, da Red Bull. Sobre o tema, Todt comentou: “Max me lembra Kimi Raikkonen. Ele é muito direto e talentoso. De Hamilton, admiro sua longevidade, mesmo que seja mais fácil de administrar quando você tem o melhor carro. Se ele ultrapassar Michael acho que seria bom para Lewis.”





Fonte: Jovem Pan