IFFHS elege os 20 melhores goleiros da década com dois brasileiros; veja o ranking

0
18


Federação reuniu premiações anuais entre 2011 e 2020 para determinar os melhores arqueiros do período

EFE/ NEIL HALLAlisson está na lista de melhores goleiros da década da IFFHS

A Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) têm anunciado nos últimos dias rankings com os melhores atletas da década (entre 2011 e 2020). Nesta quinta-feira, 14, a entidade publicou a lista com os 20 melhores goleiros do período com dois nomes brasileiros: Alisson Becker (Liverpool) e Ederson Moraes (Manchester City) apareceram em 11º e 20º lugares, respectivamente. O grande vencedor foi o alemão Manuel Neuer (Bayern de Munique), também eleito o melhor goleiro da última temporada pela Fifa, seguido de Gianluigi Buffon (Juventus) e Thibaut Courtois (Real Madrid). Segundo a Federação, a lista foi elaborada com nos rankings anuais de cada categoria e atribuído pontos. O primeiro colocado recebeu 20 pontos, o segundo 19 pontos, o terceiro colocado 18 pontos e assim por diante até 1 ponto para o vigésimo lugar.

Seguindo esses critérios, Manuel Neuer foi o grande vencedor por ter ganho 5 prêmios IFFHS anuais de melhor goleiro do mundo (2013, 2014, 2015, 2016, 2020), cinco prêmios UEFA e um prêmio FIFA para sua posição. Além disso, o arqueiro foi campeão mundial na Copa de 2014, vencendo a luva de ouro, ganhou duas UEFA Champions League com o Bayern (2013, 2020), 8 títulos da Bundesliga, 5 Taças da Alemanha e 2 Supercopas UEFA. Na temporada passada, Neuer igualou os feitos de Buffon e Iker Casillas (aposentado) como os recordistas de prêmios IFFHS, com cinco troféus cada. Confira abaixo o top 20 completo:

  1. Manuel Neuer (Alemanha);
  2. Gianluigi Buffon (Itália);
  3. Thibault Courtois (Bélgica);
  4. Hugo Lloris (França);
  5. Keylor Navas (Costa Rica);
  6. Jan Oblak (Eslovênia);
  7. Petr Cech (República Tcheca);
  8. Marc Ter Stegen (Alemanha);
  9. David De Gea (Espanha);
  10. Iker Casillas (Espanha);
  11. Alisson Becker (Brasil);
  12. Claudio Bravo (Chile);
  13. Victor Valdes (Espanha);
  14. Samir Handanovic (Eslovênia);
  15. Joe Hart (Inglaterra);
  16. Danijel Subasic (Croácia);
  17. Rui Patrizio (Portugal);
  18. Fernando Muslera (Uruguai);
  19. Sergio Romero (Argentina);
  20. Ederson Moraes (Brasil)





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui