Flamengo quer evitar vexame que só Palmeiras deu em Mundiais | Placar


Depois de cair pelo caminho ao enfrentar o Al Hilal, na semifinal do Mundial de Clubes, o Flamengo ainda tem um compromisso no Marrocos. Contra o Al Ahly, do Egito, o Rubro-Negro joga pelo terceiro lugar do torneio, no próximo sábado, 11, às 12h30 (de Brasília). Mais do que a posição, o duelo vale para que o time carioca evite um vexame exclusivo do Palmeiras entre os sul-americanos no atual formato (de 2005 para cá).

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 9,90/mês. Não perca!

Relembre os sul-americanos que jogaram a disputa de terceiro e quarto lugar:

2010 – Inter 4×2 Seongnam

Inter venceu Seongnam após perder para o Mazembe -
Inter venceu Seongnam após perder para o Mazembe – Michael Reagan/Getty Images

Depois de se tornar o primeiro brasileiro a cair na semifinal do Mundial de Clubes, ao perder por 2 a 0 para o congolense Mazembe, o Colorado evitou vergonha ainda maior. Contra o Seongnam, da Coreia do Sul, o Inter venceu por 4 a 2.

2013 – Atlético 3×2 Guangzhou

Ronaldinho Gaúcho do Atlético Mineiro comemora o gol durante a disputa terceiro lugar no Mundial de Clubes contra Guangzhou Evergrande da China, no Grand Stade de Marrakech (Marrocos)
Ronaldinho Gaúcho do Atlético Mineiro comemora o gol durante a disputa terceiro lugar no Mundial de Clubes contra Guangzhou Gerard Julien/AFP/VEJA

Dias depois de frustrar a torcida alvinegra que foi ao Marrocos, o Galo teve um jogo duro na disputa de terceiro lugar do Mundial. Contra o Guangzhou, da China, o Atlético saiu na frente, sofreu a virada e conquistou a vitória aos 45 minutos do segundo tempo. Ronaldinho Gaúcho foi expulso depois de marcar um bonito gol de falta na partida.

Continua após a publicidade

2016 – Atlético Nacional 2×2 América do México (4×3 nos pênaltis)

Atlético Nacional venceu nos pênaltis -
Atlético Nacional venceu nos pênaltis – Kazuhiro Nogi/AFP

Em um time que tinha Miguel Borja, Alejandro Guerra e Orlando Berrío, o Atlético Nacional não emplacou no Mundial. Após perder por 3 a 0 para o japonês Kashima Antlers, os colombianos empataram com o América do México e garantiram o terceiro lugar nos pênaltis.

2018 – River Plate 4×0 Kashima Antlers

River venceu Kashima -
Zuculini, do River Plate, comemora após marcar gol durante partida contra o Kashima Antlers Andrew Boyers/Reuters

O potente River do fim da última década não foi para a final do Mundial, ao cair nos pênaltis contra o Al Ain, dos Emirados Árabes Unidos. Mas na disputa de terceiro lugar, o time argentino goleou o Kashima Antlers, por 4 a 0.

2020 – Palmeiras 0x0 Al Ahly (2×3 nos pênaltis)

Felipe Melo, do Palmeiras, em disputa de bola com Walter Bwalya, do Al Ahly, pela disputa do terceiro lugar no Mundial de Clubes
Palmeiras perdeu nos pênaltis para o Al Ahly no Mundial de 2020 Karim Jaafar/HULU

Após perder para o Tigres, do México, na semifinal, o Palmeiras enfrentou o egípcio Al Ahly pelo terceiro lugar. Em um jogo apertado, o Verdão, abalado pela eliminação, perdeu nos pênaltis e protagonizou o maior vexame sul-americano em campanhas de Mundial ao deixar o torneio sem um mísero gol marcado.

Continua após a publicidade



Placar – Abril