Flamengo anuncia acordo com mais duas famílias das vítimas do incêndio no Ninho

0
16


Confira o anúncio feito pelo vice-presidente geral e jurídico do clube, Rodrigo Dunshee, sobre o acordo com os familiares de Arthur Vinícius e Pablo Henrique

Agência BrasilO incêndio no CT do Flamengo aconteceu no dia 8 de fevereiro de 2019

O Flamengo anunciou na tarde desta quarta-feira, 23, que chegou a um acordo com mais duas famílias das vítimas do incêndio no Ninho do Urubu, ocorrido em 8 de fevereiro de 2019. De acordo com o clube, os familiares de Arthur Vinícius e Pablo Henrique aceitaram os valores oferecidos. O anúncio foi feito pelo vice-presidente geral e jurídico do clube, Rodrigo Dunshee.

“Conversamos com os pais dos meninos (Arthur Vinícius e Pablo Henrique) e fechamos mais dois acordos. Tive a oportunidade de me aproximar deles. Cada um tem seu tempo, é uma situação muito dolorosa. Eles têm razão em algumas de suas ponderações, em achar que poderíamos ter sido mais próximos, mas as diferenças foram superadas. A perda dos meninos nunca será uma página virada, mas sabemos que a dor diminui um pouco quando fechamos certas feridas, encerramos certos assuntos”, disse Dunshee, em entrevista ao programa Seleção SporTV, na tarde desta quarta-feira.

Os familiares que fecharam acordos, até agora, são dos garotos Samuel, Athila Paixão, Bernardo Piseta, Gedson Santos, Jorge Eduardo, Vitor Isaías, Pablo Henrique e o pai de Rykelmo (a mãe entrou com ação na Justiça). A família de Christian Esmérion também chegou a um acordo, por enquanto. Na última semana, com a redução da pensão de R$ 10 mil para R$ 5 mil, a negociação entre clubes e familiares havia sido suspensa e a ideia da família de Pablo Henrique, era entrar mais uma vez na justiça.

Dunshee por sua vez, reiterou que sempre será “prioridade máxima” do Flamengo atender às famílias. “A gente nunca esqueceu e nunca vai esquecer. O presidente Landim sempre me pediu prioridade máxima nesta questão, para estar próximo e trabalhar em respeito às famílias dos atletas que faleceram”, concluiu.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui