Exclusivo: Cuca abre o jogo e diz que quer Marinho na seleção brasileira

0
6


Treinador participou do programa ‘Camisa 10’ após eliminar o Boca Juniors na Libertadores e se classificar à final da competição

RICHARD CALLIS/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOMarinho tem sido o destaque do Santos na temporada

Após se classificar para a final da Libertadores com uma vitória de 3 a 0 contra o Boca Juniors na Vila Belmiro, nesta quarta-feira, 13, o técnico do Santos, Cuca, participou do programa Camisa 10, da Jovem Pan, e exaltou o trabalho do atacante Marinho, que tem sido referência no ataque santista. Com 19 gols e oito assistências em 33 jogos na temporada, o atleta já tem sido cogitado entre os convocados para a seleção brasileira. “O Marinho tá jogando muito, ele está muito responsável e está sendo um protagonista para nós, como referência também para os mais jovens. Eu entendo que o Tite tenha outras opções, mas ele tá no radar. Daqui a pouco tudo pode acontecer. A gente torce para que aconteça, mas isso eu deixo a cargo do Tite“.

Perguntado sobre o êxito de ter avançado à decisão da Copa Libertadores mesmo com os problemas externos do clube, Cuca disse que está muito orgulhoso do trabalho de sua equipe. “Ir para a final já é uma conquista. É claro que queremos ‘a grande conquista’, mas diante de todas as dificuldades que a gente vem tendo, chegar nessa grande final sem dúvida nos deixa muito orgulhosos. Estou muito orgulhoso desses meninos que estão jogando muito bem”, declarou. Sobre o confronto contra o Palmeiras na briga pelo título, o treinador revelou que desde o início torceu para uma final brasileira. “Eu queria muito uma final brasileira. Isso premia o futebol brasileiro. Falamos isso para o pessoal, ‘vamos levar pelo menos um brasileiro para a final’. Com certeza hoje os argentinos estão ponderando esse assunto”, finalizou.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui