Ex-jogador do Corinthians, Carlos Augusto pode defender a seleção italiana

Técnico Roberto Mancini colocou o brasileiro no radar da Azzurra por sua atuação no Monza

Reprodução/ Instagram @carlos.augusto99carlos augusto
Carlos Augusto deixou o Corinthians em 2020 para defender o Monza, da Itália

O lateral-esquerdo Carlos Augusto, de 23 anos, ex-jogador do Corinthians pode defender a seleção italiana em breve. Nesta segunda-feira, 24, o Lancenet! divulgou que o técnico Roberto Mancini está monitorando o atleta, que hoje está no Monza, para uma possível naturalização. Mancini irá se encontrar em breve com Carlos para uma conversa. O interesse do treinador foi comunicado ao clube. Em 2020, o lateral deu entrevista à ESPN e afirmou que, mesmo tendo a cidadania italiana, seu objetivo é defender a seleção brasileira. “Tenho cidadania italiana e isso me ajuda porque tem limite de estrangeiros no clube. Minha primeira opção será sempre o Brasil e quero vestir essa camisa. Não penso nessa hipótese ainda [jogar pela Itália]. Já joguei um Sul-Americano sub-20 e sei o quanto é bom. Espero um dia, com muito trabalho, vestir a camisa da seleção principal”, disse na ocasião. Esse pode ser um problema para Mancini. A presença de brasileiros na seleção italiana é muito comum, no elenco atual são cinco: Jorginho, Luiz Felipe, Emerson Palmieri, João Pedro e Rafael Toloi. Carlos foi revelado pelo Corinthians e em 2017 ganhou a Copinha. Ele ficou no clube até 2020, quando se transferiu para a Itália. Em dois anos foram 81 jogos e sete gols marcados. O Monza subiu da Série B nessa temporada e é o 15º na tabela da Série A.



Fonte: Jovem Pan