Em meio a rumores de boicote, seleção argentina confirma participação na Copa América

0
9


Federação Argentina de Futebol informou que ‘fez grande esforço’ para garantir os cuidados necessários para a albiceleste viajar ao Brasil

EFE/AGUSTIN MARCARIAN POOLSeleção argentina conversava sobre realização do torneio

A realização da Copa América no Brasil agitou os bastidores das seleções sul-americanas na última semana. Muitos jogadores se mostraram contrários ao evento acontecer em um dos países em que a pandemia de Covid-19 está mais descontrolada e rumores de boicote começaram a surgir, principalmente das seleções argentina, uruguaia e brasileira. Mas na tarde deste domingo, 6, a Associação de Futebol da Argentina confirmou que os hermanos jogarão o torneio. Por meio de nota, a AFA informou que fez um grande esforço e colocou “todas as ferramentas necessárias” para garantir a segurança sanitária da delegação. “Todo o staff da equipe albiceleste trabalhará unido para superar as adversidades que, lamentavelmente, afeta a todos os sul-americanos por igual”, escreveu. A Argentina está no Grupo B com Chile, Bolívia, Paraguai e Uruguai. A equipe estreia contra os chilenos no dia 14 de junho no Nilton Santos, no Rio de Janeiro, às 18h (horário de Brasília).

Confira abaixo a íntegra da nota da seleção argentina:

“A seleção argentina confirma sua participação na Copa América 2021, que reflete seu espírito desportivo ao longo de toda sua história. Com um esforço enorme da Associação de Futebol Argentino, que pôs a disposição todas as ferramentas necessárias para poder garantir cada um dos cuidados específicos solicitados neste momento difícil que enfrentamos, a seleção nacional viajará ao Brasil para disputar o torneio continental. Todo o staff da equipe albiceleste trabalhará unido para superar as adversidades que, lamentavelmente, afeta a todos os sul-americanos por igual”.





Fonte: Jovem Pan