Demitido: Após 11 jogos, Diego Forlán não é mais técnico do Peñarol

0
6

O primeiro trabalho de Diego Forlán como técnico durou apenas 11 jogos. A diretoria do Penãrol anunciou nesta segunda-feira a demissão do uruguaio, após nove jogos disputados no Torneio Apertura do Uruguai e dois jogos pela Libertadores. Foram quatro vitórias, três empates e quatro derrotas.

A gota d’água para a demissão do treinador foi a derrota no domingo, diante do Montevideo Wanderers, por 2 a 0, que deixou o time uruguaio na sétima colocação, com 12 pontos ganhos, sete atrás do primeiro colocado. Na Libertadores, o Peñarol jogou duas vezes sob o comando de Forlán. Perdeu para o Athletico-PR por 1 a 0 e venceu pelo mesmo placar o time boliviano do Jorge Wilstermann.

Aos 41 anos, Forlán foi eleito o melhor jogador da Copa da África do Sul, em 2010, e teve grande carreira no futebol europeu, ao atuar por Manchester United, Villareal, Atlético de Madrid e Inter de Milão. Pela seleção uruguaia, o meia-atacante disputou 112 jogos e marcou 36 gols.

* Com Estadão Conteúdo


Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui