Crespo vive dilema no São Paulo antes de maratona no Paulista e na Libertadores 

0
9


Classificado para as quartas de final do Estadual e participando da fase de grupos do torneio continental, o Tricolor poderá fazer até cinco partidas em oito dias

Reprodução/ Twitter/São PauloHernán Crespo durante treinamento no São Paulo

O São Paulo enfrentará uma sequência cansativa de partidas nas próximas semanas. Classificado para as quartas de final do Campeonato Paulista e participando da fase de grupos da Copa Libertadores da América, o time comandado por Hernán Crespo poderá fazer até cinco partidas em oito dias. Por isso, o técnico argentino vive um verdadeiro dilema antes da maratona começar: qual competição priorizar? Em situação normal, a resposta seria focar no torneio continental, maior ambição das equipes da América do Sul. O Tricolor, porém, vive uma seca de títulos desde 2012, quando ganhou a Copa Sul-Americana e está desesperado para voltar a erguer uma taça.

O Tricolor começa a maratona nesta quarta-feira, 12, quando visita o Rentistas (URU), em Montevidéu, pela quarta rodada da Libertadores. Na sexta-feira, 14, o conjunto são-paulino volta a campo para receber a Ferroviária, no Morumbi, Às 21h30, em jogo decisivo pelas quartas do Paulistão. Se passar pelo time de Araraquara, o Tricolor já terá a semifinal no domingo, 16, novamente em sua casa, contra Mirassol ou Guarani. A sequência desgastante continua na outra terça-feira, 18, quando os liderados por Crespo medem forças com o Racing (ARG), na capital paulista. A saga ainda pode continuar se equipe chegar às decisões do Estadual, que serão realizadas em duas partidas. A ideia da Federação Paulista de Futebol (FPF) é encerrar a competição no dia 23.

A insana maratona acontece após o atraso no começo da temporada 2021 e o agravamento da pandemia da Covid-19 no Estado, que fez com que as autoridades interrompessem o Paulista por cerca de um mês. Já sentindo o desgaste, o São Paulo tem três jogadores entregues ao departamento médico. Após o empate com o Racing, na Argentina, na última quarta-feira, Daniel Alves, Luciano e Eder sofreram lesões musculares e ainda não têm data para voltar. Assim, Crespo terá que administrar e rodar bem o seu time titular para não perder mais atletas por problemas físicos.





Fonte: Jovem Pan