Corinthians defende tabu para voltar a vencer no Campeonato Brasileiro – 23/06/2021 – Esporte

0
14


Em busca de sua segunda vitória no Campeonato Brasileiro, o Corinthians defenderá um longo tabu contra o Sport, nesta quinta-feira (24), às 19h, na Neo Química Arena. O Premiere exibe o jogo.

Desde 2007, portanto há 14 anos, os corintianos não perdem do time de Pernambuco em duelos disputados em São Paulo. Foram nove confrontos no período, todos com vitória da equipe alvinegra.

Em Itaquera, o Corinthians tem uma média de três gols por partida contra o Sport, com 18 vezes bolas na rede em seis jogos. Na arena alvinegra, os visitantes anotaram cinco gols.

Houve outros dois duelos no Pacaembu e um no Morumbi. Na casa do rival São Paulo, o time então dirigido por Mano Menezes venceu em 2008 o jogo de ida da final da Copa do Brasil, por 3 a 1, mas perdeu o título na volta, quando foi superado por 2 a 0 —na época, o gol fora era critério de desempate.

Já a última vez em que o Sport voltou para Recife com uma vitória sobre o Corinthians foi após a 28ª rodada do Nacional de 2007, no ano em que o clube do Parque São Jorge acabou rebaixado à Série B. Iran (contra) e Romerito marcaram pelos visitantes, e Betão descontou.

Na temporada atual, as duas equipes ainda não conseguiram engatar uma boa sequência no Nacional. O Corinthians derrotou somente o América-MG (1 a 0), empatou com Palmeiras (1 a 1) e Bahia (0 a 0) e perdeu para Atlético-GO (1 a 0) e Red Bull Bragantino (2 a 1).

O Sport, por sua vez, venceu o Grêmio (1 a 0), empatou com o Internacional (2 a 2) e perdeu para Atlético-MG (1 a 0), Juventude (1 a 0) e Fortaleza (1 a 0).

Para a partida desta quinta, Sylvinho deverá ter o retorno de Gustavo Mosquito. O jogador foi liberado pela diretoria da partida com o Bahia, no domingo (20), após a morte do pai dele, vítima da Covid-19. O atacante Luan também não jogou contra os baianos por causa de dores musculares e continua como dúvida.

Em Itaquera, o técnico da formação pernambucana, Umberto Louzer, terá três retornos. Desfalques na última rodada, Thiago Neves, Neilton e Gustavo voltam a ficar à disposição do treinador e devem ser escalados novamente.



Fonte: Máquina do Esporte