Com volta de Neymar, PSG vence Angers e lidera Campeonato Francês

0
12


Partida marcou o retorno do brasileiro à titularidade, após 34 dias de ausência; time assume a ponta da tabela, com 42 pontos, 2 a mais que Lyon

Reprodução/Twitter/PSGPSG assume liderança do Campeonato Francês com 42 pontos

O Paris Saint-German venceu o Angers neste sábado, 16, por 1 a 0, fora de casa. Com a vitória, o PSG assumiu a liderança do Campeonato Francês. A partida marcou o retorno de Neymar à titularidade, após 34 dias de ausência – recuperado de lesão, ele havia voltado ao time na quarta-feira, mas saindo do banco de reservas na conquista da Supercopa da França. Com o resultado, o PSG supera o Lyon, que joga ainda neste domingo. Em uma atuação pálida, os atuais campeões do franceses não puderam contar com a presença do técnico Mauricio Porchettino, que testou positivo para a Covid-19 e está em isolamento. O PSG assume, por enquanto, a ponta da tabela, com 42 pontos, 2 a mais que Lyon. O Angers, por sua vez, permanece na sétima posição, com 30 pontos.

O primeiro tempo da partida trouxe, logo no início, sustos para o PSG. O Angers começou o jogo de igual para igual, com lance perigoso do meia Pereira Lage, que recebeu pela direita, ajeitou e bateu em direção ao ângulo, dando trabalho para o goleiro Navas, que espalmou a bola. Menos de cinco minutos depois, outro bom lance dos donos da casa, com Capelle cabeceando livre na área, mas mandando a bola por cima do gol. O PSG respondeu quando Neymar deu bom passe para Mbappé, que não conseguiu acertar a meta. A primeira boa chance para a equipe de Paris veio apenas aos 21 minutos, novamente com Mbappé, que avançou em velocidade, ficando cara a cara com o goleiro Bernardoni mas mandou para fora. O próximo lance de perigo veio do pé do brasileiro, que recebeu passe de Di María, trabalhou na área pelo lado esquerdo e finalizou, com a bola indo para fora.

O Angers buscava apostar nos contra-ataques, aproveitando os espaços que o PSG dava. O destaque foi o lance em que Diony, aos 35 minutos, avançou pela esquerda, bateu rasteiro e parou na defesa de Navas. Já na segunda etapa, o PSG se estruturou melhor, porém, sem oferecer tanto perigo a um bem postado e defensivo Angers. A melhor chance veio em excelente passe de Neymar para Mbappé, que, dessa vez, aproveitou a bola e bateu cruzado, forçando a defesa de Bernardoni. E o gol saiu com Kurzawa, que recebeu de Florenzi e bateu de primeira, direto para o gol, aos 24 minutos. Depois, o jogo seguiu sem maiores emoções e o PSG soube administrar o resultado até o fim.

*Com Estadão Conteúdo





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui