Com gols de Meninos da Vila, Santos estreia com vitória na Libertadores e abre vantagem

0
37


Peixe vence o Deportivo Lara por 2 a 1 e agora poderá até empatar o jogo de volta, na próxima terça-feira, em Caracas

Ivan Srorti/Santos FCDe braços abertos, o jovem zagueiro santista Kaiky comemora seu primeiro gol como profissional

O Santos contou com o primeiro gol entre os profissionais de dois jovens formados na sua base para abrir vantagem na segunda fase preliminar da Copa Libertadores. Na Vila Belmiro, o time alvinegro derrotou o Deportivo Lara por 2 a 1, nesta terça-feira. Vinicius Balieiro e Kaiky marcaram para o Peixe em um jogo com três gols no segundo tempo. Os jovens foram duas das novidades da escalação de Ariel Holan, assim como Ângelo, grande destaque do primeiro tempo. Apesar da vitória, o Santos teve atuação irregular em sua estreia na atual edição do torneio continental, com dificuldade para finalizar e para barrar as ações ofensivas dos venezuelanos. Foi a primeira vitória santista quatro jogos na temporada, sendo dois deles com o técnico argentino. O triunfo colocou o conjunto brasileiro em vantagem. Agora, só precisa de um empate na próxima terça-feira, em Caracas, para avançar à terceira fase preliminar da Libertadores. Antes, no sábado, enfrentará o Ituano, também na Vila, pelo Campeonato Paulista.

Vindo de derrota por 4 a 0 para o São Paulo em sua estreia à frente do Santos, Holan fez mudanças na escalação que reforçaram a aposta em atletas recém-promovidos da base. Peças importantes ficaram de fora do confronto, como Pará, Marinho e Kaio Jorge. Assim, Marcos Leonardo e Ângelo receberam uma chance no ataque e Kaiky foi escalado na zaga. Além disso, João Paulo recuperou a sua vaga no gol, com Vinicius Balieiro sendo improvisado na lateral direita. Dessas apostas, uma se mostrou certeira logo nos minutos iniciais. Ângelo, de apenas 16 anos, foi o jogador mais perigoso do ataque santista no primeiro tempo. Na ponta direita, apostou em sua velocidade e dribles, buscou tabelas e fez lances individuais.

Após empate sem gols em um primeiro tempo morno, o Peixe voltou para o segundo mais agressivo e abriu o placar aos 4 minutos. Sandry cortou a marcação, passou para o cruzamento de Alison e Baliero marcou após corte parcial da defesa. O Lara empatou dois minutos depois, após cobrança de escanteio. O gol foi de Anzorla. O Alvinegro ficou um pouco desconcertado, mas conseguiu o desempate aos 25. Após cobrança de escanteio, Kaiky pegou boa impulsão e acertou cabeçada certeira. Em busca do terceiro gol, que o deixaria em situação ainda mais confortável, o Santos teve chances com Lucas Braga, Jean Mota e Gabriel Pirani, mas não conseguiu ampliar.

*Com informações do Estadão Conteúdo





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui