Casagrande fala de relacionamento com Caio Ribeiro após discussão sobre Bolsonaro; confira

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Na noite da última segunda-feira, 9, o ídolo da torcida do Corinthians tratou de dar um ponto final no episódio com o colega do Grupo Globo

ReproduçãoWalter Casagrande
Walter Casagrande é comentarista do Grupo Globo há mais de 25 anos

Walter Casagrande e Caio Ribeiro protagonizaram uma polêmica em 2020, quando discutiram rispidamente durante o programa “Bem, Amigos”, do SporTV. Na noite da última segunda-feira, 9, entretanto, o ídolo da torcida do Corinthians tratou de dar um ponto final no episódio e explicou como é o seu relacionamento com o companheiro de Grupo Globo. “Primeiro tenho que deixar claro que foi naquele momento. Nós não somos inimigos. Nós não temos nada em comum. Nossos pensamentos são diferentes. Não temos uma amizade próxima. Mas isso não significa que sejamos inimigos. A gente trabalha junto, se entrosa na transmissão e cada um sabe o raciocínio um do outro. É só não tocar no assunto político, que aí não começa a ter conflito”, disse, em entrevista ao “Roda Viva”, da TV Cultura.

Na ocasião, Caio Ribeiro criticou Raí, então dirigente do São Paulo, por fazer críticas diretas ao presidente Jair Bolsonaro – em sua opinião, a postura do ídolo tricolor poderia prejudicar o clube. Walter Casagrande, por sua vez, rebateu dizendo que a postura do colega de emissora foi “antidemocrática”. Segundo Casão, se o debate acontecesse sem a participação de outras pessoas, ele não teria discutido com Caio. “Naquele dia, eu estava trocando conversa com o Caio em relação à política. Se ficasse só eu e o Caio, ia ser uma coisa muito menos pesada publicamente, porque todo mundo pensou igual a mim, e ficou meio que todos contra o Caio. Isso pegou mal. Mas foi um exagero geral, sem tirar a responsabilidade de ninguém“, acrescentou o comentarista, que também falou sobre sua luta contra a dependência química.





Fonte: Jovem Pan