Campeã olímpica no judô, Sarah Menezes se aposenta da seleção brasileira

0
19


Aos 30 anos, Sarah participou de três Olimpíadas e ficará um tempo afastada do esporte por estar grávida

Sarah Menezes – ouro Londres – Face

Após 15 anos integrando a seleção brasileira de judô, Sarah Menezes se aposentou. Grávida, a judoca foi promovida nesta terça-feira, 16, ao 6º dan da modalidade, honraria concedida pela Confederação Brasileira de Judô a medalhistas olímpicos que pararam de competir. Sarah participou de três Jogos Olímpicos pelo Brasil. Nas Olimpíadas de Pequim, em 2008, ela foi derrotada logo na primeira luta, mas retornou no auge quatro anos depois ao conquistar a medalha de ouro na categoria até 48kg, em Londres 2012. Na Rio 2016, a piauiense lutou pelo bicampeonato olímpico, mas ficou apenas em 7º lugar. “Para mim, essa promoção é uma honra. Fico muito feliz e consigo relembrar do meu início no judô com nove anos de idade, uma carreira brilhante, altos e baixos também e, agora, essa conquista inédita. Só tenho que agradecer, pelos feitos que tive, pela minha carreira e a todos que estiveram comigo”, disse durante a cerimônia.

Além de Sarah, também foram contemplados com a faixa vermelha e branca pela CBJ Leandro Guilheiro, duas vezes medalha de bronze em Olimpíadas – Atenas 2004 e Pequim 2008, e os ex-atletas e medalhistas em Jogos, Tiago Camilo, Flávio Canto e Carlos Honorato. Segundo a portaria publicada pela Confederação no mês de novembro, só podem ser homenageados aqueles que sejam medalhista em Olimpíadas, tenham participado de pelo menos dois ciclos olímpicos e também tenham se aposentado como atleta da seleção brasileira.





Fonte: Jovem Pan