Benja prevê rebaixamento do Corinthians e revela por que desistiu do sonho de presidir o clube

Em entrevista ao Pânico, comentarista elogiou Luxemburgo, mas pediu reforços para o Timão: ‘Se não der três ou quatro jogadores para ele, não vai ter jeito’

Reprodução/Jovem Pan NewsBenjamin Back
Benjamin Back foi o convidado do programa Pânico desta terça-feira, 23

Nesta terça-feira, o programa Pânico recebeu o comentarista esportivo Benjamin Back. Em entrevista, ele falou sobre a atual situação do Corinthians e afirmou temer que seu clube de coração seja rebaixado caso não haja contratações urgentes para o elenco. “Estou triste, acho que infelizmente o Corinthians vai cair. Hoje, na tabela, só tem dois piores. O Corinthians está em 18º, e o Vasco, [também está] na zona de rebaixamento. Por enquanto só tem dois times piores. Se o presidente não contratar três ou quatro jogadores urgentemente, não tem solução. Gosto do Luxa, acho que está fazendo o que ele pode. O Vanderlei é um alento, é um cara que pode dar um jeito, mas, se não der três ou quatro jogadores para ele, não tem jeito. Time grande quando cai, a cota é a mesma”, afirmou. Benja disse que desistiu do sonho de presidir o Timão e refletiu sobre a importância do clube para os torcedores. “Não dá, imagine os caras [da torcida] na porta do meu prédio? Duílio é uma pessoa educada, nunca me ofendeu, nunca me maltratou, supereducado. Minha crítica é ao cargo, à gestão, o que eu vou fazer? A eleição é em dezembro. Estou desiludido. É lógico que fico chateado. Você está vendo o negócio todo errado. Quem joga no Corinthians, quem é dirigente, tem que entender o que é o Corinthians. Tem milhões de caras que não têm o que comer e se matam para ver o time, com sol ou chuva. A alegria da vida do cara é o clube, o time. Tem gente que não tem alegria com outras coisas, é uma paixão, é o time”, argumentou.

Benja também falou sobre o caso de racismo envolvendo o atleta Vinicius Junior no Campeonato Espanhol. “Não precisa ser expert, como acaba o jogo e a La Liga emite uma nota repudiando a vítima? O culpado é ele? Se você ver as imagens do jogo, é o estádio inteiro. Acabou. É inadmissível isso. A gente fica revoltado, mas imagine o cara? O estádio inteiro. O órgão que manda incrimina o cara. Não tem como não se revoltar. Não sei que tipo de cláusula tem no contrato dele. Ele deu a letra para um Manchester City da vida ir lá”, disse. O comentarista também opinou sobre o futuro do jogador no Real Madrid e a série de posicionamentos que o brasileiro tem tomado nas redes sociais. “Agora, os caras gastaram muito dinheiro nele. Eu não vi ninguém do Real Madrid nesta temporada inteira se posicionar, tomar qualquer atitude. Quando o Vinicius Junior fala que vai embora, será que isso não foi um recado para o Real Madrid?”, questionou.

Confira na íntegra a entrevista com Benjamin Back

 



Fonte: Jovem Pan