Atlético-MG demite Turco Mohamed após empate com o Cuiabá

Contratado no início do ano para substituir Cuca, o argentino foi campeão do Mineiro e da Supercopa do Brasil, mas não fez o Galo deslanchar

DIOGO REIS/AGIF – AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDOAntonio Mohamed durante partida do Atlético-MG pelo Campeonato Brasileiro
Antonio Mohamed foi demitido pelo Atlético-MG

O Atlético-MG decidiu demitir o técnico Antônio “Turco” Mohamed na manhã desta sexta-feira, 22, um dia após o empate com o Cuiabá, pelo Campeonato Brasileiro. Contratado no início do ano para substituir Cuca, o argentino foi campeão do Mineiro e da Supercopa do Brasil, mas não fez o Galo deslanchar. No Brasileirão, é verdade, a equipe ocupa a terceira posição, com apenas quatro pontos a menos que o líder Palmeiras. Já na Copa do Brasil, porém, o conjunto atleticano foi eliminado para o Flamengo, nas oitavas de final. Ao todo, ele comandou a equipe em 45 jogos, contabilizando 27 vitórias, 13 empates e 5 derrotas. O próximo compromisso do Atlético-MG está marcado para domingo, 24, quando recebe o Corinthians, no Mineirão, pela rodada 19 do Nacional.

“O Galo informa que Antonio Mohamed não é mais treinador do Clube. El Turco e seus auxiliares foram desligados hoje pela manhã, pelo presidente Sérgio Coelho e o diretor de futebol Rodrigo Caetano. O auxiliar técnico permanente Lucas Gonçalves comandará o time neste domingo. Em sete meses no Alvinegro, El Turco foi Campeão Mineiro e conquistou a Supercopa do Brasil. Foram 45 jogos, 27 vitórias, 13 empates e cinco derrotas. O Clube agradece ao treinador pelos serviços prestados e deseja a ele sucesso na sequência da carreira”, comunicou o Atlético-MG. Agora, caberá a Rodrigo Caetano, diretor de futebol que renovou seu contrato recentemente, achar um novo “professor” para o time.

 



Fonte: Jovem Pan