Atlético de Madrid quebra tradição e se recusa a fazer corredor para campeão Real: ‘Humilhação’

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Na tradição espanhola, o ‘pasillo’ é feito por um time a seu adversário após a conquista de um título, em que elenco e comissão técnica fazem um corredor para aplaudir os campeões

Rodrigo Jiménez/EFELuis Suárez é o camisa 9 do Atlético de Madrid
Luis Suárez é o camisa 9 do Atlético de Madrid

Campeão espanhol de maneira antecipada, o Real Madrid volta a campo pela competição nacional no próximo domingo, 8, quando visita o Atlético de Madrid, no Wanda Metropolitano, pela 35ª rodada. Antes do clássico, no entanto, o clima já esquentou entre os times da capital da Espanha. Em nota, os “Colchoneros” afirmaram que vão quebrar com a tradição de fazer o “pasillo”, o tradicional corredor para a equipe vencedora da La Liga. Segundo o comunicado da diretoria atleticana, a homenagem seria “humilhante” para o clube e iria colaborar com a “gozação”.

“Alguns querem transformar o que nasceu como um gesto de reconhecimento ao campeão em um pedágio público que seus rivais devem pagar, também impregnado com o aroma da humilhação”, escreveu o Atleti. “Sob nenhuma circunstância o Atlético de Madrid vai colaborar com esta tentativa de gozação em que os verdadeiros valores do esporte são completamente esquecidos e a tensão e o confronto são incentivados. O Atlético é o último campeão de LaLiga. Alguém se lembra de alguma polêmica sobre se ele deveria receber um pasillo do primeiro rival após conquistar o título? Não, porque não houve debate”, acrescentou.

Na tradição espanhola, o “pasillo” é feito por um time a seu adversário após a conquista de um título, em que elenco e comissão técnica fazem um corredor para aplaudir os campeões. Antes do clássico, no entanto, o Real Madrid volta as suas atenções para a Liga dos Campeões. Depois de ser derrotado pelo Manchester City por 4 a 3 na partida de ida, no Etihad Stadium, os madrilenos buscam a virada no Santiago Bernabéu para ir à final da edição 2021/2022. Em caso de vitória simples, a vaga na decisão será decidida na prorrogação.





Fonte: Jovem Pan