Tom Veiga, intérprete do Louro José, morreu após AVC

0
18


Ator foi encontrado morto em casa, no Rio de Janeiro, no último domingo (1º)

Reprodução/Instagram @anamaria16O personagem foi criado por Ana Maria Braga em 1996; à época, Tom Veiga era assistente de estúdio de seu programa

O ator Tom Veiga, intérprete do Louro José, morreu vítima de um AVC hemorrágico, em consequência de um aneurisma, no último domingo (1º). De acordo com o laudo do Instituto Médico Legal, divulgado pela TV Globo, a causa do óbito foi uma “hemorragia intra craniana por rotura de aneurisma cerebral”. Ele foi encontrado morto por amigos, entre eles o apresentador André Marques, em casa, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Ele tinha 47 anos e deixou quatro filhos.

O personagem foi criado por Ana Maria Braga em 1996. À época, Tom Veiga era assistente de estúdio do programa “Note e Anote” e chamou a atenção da apresentadora ao brincar com o fantoche. Os dois trabalharam juntos por mais de 20 anos e tinham uma relação muito próxima. Pelo Instagram, a apresentadora escreveu: “Perdi meu parceiro de todo dia, meu amigo, meu filho. O Tom era um menino de sorriso solto, sempre alegre, com um humor único e talentoso demais. A fragilidade da vida nos pegou mais uma vez de surpresa e me deixou completamente sem chão. O momento agora é de oração. E de toda minha solidariedade à família”.





Fonte: Jovem Pan

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui