“Stranger Things” volta com ainda mais terror sobrenatural

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Por Alicia Powell

NOVA YORK (Reuters) – O drama de ficção científica de sucesso “Stranger Things”, da Netflix, volta nesta semana com a primeira parte de sua esperada quarta temporada, prometendo mais terrores sobrenaturais na fictícia cidade de Hawkins, no interior do Estado norte-americano de Indiana.

Passada seis meses após o fim da terceira temporada, após a terrível batalha do shopping center Starcourt, a quarta temporada vê os jovens protagonistas separados após Eleven, interpretada por Millie Bobbi Brown, se mudar para a Califórnia com Joyce (Winona Ryder) e seus dois filhos, Will e Jonathan.

Sem poder contar com seus poderes telecinéticos ou habilidades sociais, Eleven rapidamente começa a sofrer bullying. Enquanto isso, em Hawkins, o resto da gangue adolescente passa pelo ensino médio enquanto uma nova ameaça surge na dimensão alternativa conhecida como Mundo Invertido.

Um terceiro enredo cuida do retorno do ex-delegado de polícia de Hawkins, Hopper, pai adotivo de Eleven, que agora está preso na Rússia.

“Vai responder muitas perguntas”, diz Caleb McLaughlin, que interpreta Lucas, à Reuters.

“Na verdade é um mergulho ainda mais profundo em algumas das maiores perguntas que muitos dos fãs estão fazendo. Eu acho que as pessoas realmente ficarão satisfeitas com essa temporada”, acrescentou Sadie Sink, que vive Max.

Assim como outras temporadas, a gravação dos nove episódios foi atrasada pela pandemia de Covid-19. A terceira temporada saiu em 2019.

Os críticos aprovaram a nova temporada, mas todos mencionaram a duração dos episódios, o último deles com duas horas e meia.

“É uma temporada gigantesca, gigantesca, e meio que explica a espera — faz tanto tempo”, disse Gaten Matarazzo, que faz Dustin. “Estávamos ansiosos pelo lançamento, e estamos empolgados para ver a recompensa”.







Fonte: Mix Vale