Sérgio Hondjakoff, ‘Cabeção’ de Malhação, nega boatos de que estava em cárcere privado

0
21


Ator afirmou que está passando período de férias com familiares e negou que estava em clínica de reabilitação fechada pela polícia de São Paulo

Sérgio Hondjakoff/Instagram/Reprodução de vídeoSérgio Hondjakoff negou que estivesse internado

O ator Sérgio Hondjakoff, o “Cabeção” da novela Malhação, usou as redes sociais nesta quinta-feira, 5, para negar os boatos de que estava mantido em cárcere privado dentro de uma clínica de reabilitação na cidade de Pindamonhangaba, no interior de São Paulo. O local, que não teve nome revelado, foi alvo de uma operação do Ministério Público do Estado na quarta-feira, 4, por manter mais de 40 pessoas reféns trancadas em quartos, sem alimentação adequada e com ligações para familiares vigiadas para que não contassem sobre as condições às quais estavam submetidos. Um boletim de ocorrência com o nome de todos os pacientes resgatados mostra que um deles teria se identificado como Sergio Francisco Hondjakoff Mendonça, o mesmo nome do ator, sem apresentar documento oficial.

Pouco após a informação tomar a imprensa, porém, o ator negou que tenha sido “resgatado” em um vídeo. “Eu estou aqui com minha mãe em Resende, curtindo aqui essas férias de inverno, olha aqui o meu cárcere privado, é essa vista maneira, maravilhosa. Estou mais perto da minha avó, que está velhinha, da minha tia também, minha família materna, e estou com muita saudade de vocês”, disse em post nas redes sociais. O caso do resgate de pacientes em Pindamonhangaba terminou com duas pessoas responsáveis pela administração da clínica presos pela Polícia Civil: dois homens de 33 e 44 anos. Uma funcionária de 36 anos ainda é investigada por suposta conexão com os abusos no local.





Fonte: Jovem Pan