Mark Hoppus, do Blink-182, fala sobre tratamento contra linfoma agressivo: ‘Estamos vencendo’ | Música

0
12


O baixista Mark Hoppus, do Blink-182, foi diagnosticado com uma forma agressiva de linfoma, tipo de câncer que afeta as células do sistema linfático. Em uma conversa virtual com fãs chilenos na rede social Twitch, ele deu mais detalhes sobre seu quadro de saúde e o tratamento contra a doença.

“[Eu tenho] ​​linfoma difuso de grandes células B”, disse. “Minha classificação é estágio IV-A, o que significa, pelo que entendi, que ele entrou em quatro partes do meu corpo.”

“Eu não sei exatamente como eles determinam essas quatro partes, mas ele entrou em partes suficientes do meu corpo para eu estar no estágio IV, que eu acho que é o mais alto.”

O músico de 49 anos revelou a doença em junho, sem especificar com qual tipo de câncer havia sido diagnosticado.

Matt Skiba, Travis Barker e Mark Hoppus, do Blink 182, posam para fotos no Grammy — Foto: Jordan Strauss/Invision/AP

No papo com os fãs, ele falou sobre os efeitos colaterais da quimioterapia, a qual vem sendo submetido nos últimos meses.

“Na primeira quimioterapia, eu me senti um zumbi que caiu em uma cerca elétrica e estava apenas levando um choque”, afirmou. “Na segunda rodada, me senti muito fraco e cansado, como na pior gripe de todos os tempos. Na terceira, comecei a vomitar. [Tive] náuseas e tudo isso.”

Hoppus se mostrou confiante com o tratamento. “Estamos vencendo esse câncer. É só uma questão de tempo.”

Ele é um dos membros fundadores e vocalistas do Blink-182, um dos mais conhecidos nomes do pop punk americano. O disco mais recente do grupo, “Nine”, foi lançado em 2019.

Blink 182 lança disco
Blink 182 lança disco

Blink 182 lança disco ‘Nine’; G1 ouviu o disco



Fonte: Pop & Arte